Publicidade

Biden critica Netanyahu e cita mortes de inocentes em Gaza

Apesar de movimento, presidente dos EUA garantiu envio de armas para Israel

Biden critica Netanyahu e cita mortes de inocentes em Gaza
Publicidade

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, fez críticas ao primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, pela condução da guerra contra o Hamas. Em entrevista a um jornal do país, no sábado (10), Biden considerou que o israelense está prejudicando "mais do que ajudando" o país.

+ Leia as últimas notícias internacionais no SBT News

"Ele tem o direito de defender Israel, o direito de continuar perseguindo o Hamas, mas ele precisa prestar mais atenção às vidas inocentes que estão sendo perdidas como consequência das ações tomadas", afirmou, à TV MSNBC.

Biden também citou o número de mortes no território palestino, com avaliação de que houve um "grande erro".

O político ainda criticou uma possível invasão de Israel à cidade de Rafah, que fica no sul da Faixa de Gaza. O local recebeu palestinos que fugiram da guerra, por recomendação israelense. Mais de 1 milhão de civis estão na área.

Apesar do movimento, Biden disse que não cortará o envio de armas para Israel. Os Estados Unidos apoiam a ofensiva israelense desde o início da guerra, mas ações recentes, como o ataque contra civis que recebiam ajuda humanitária e que deixou mais de 100 mortos, tem levantado críticas. Biden também decidiu enviar, pela primeira vez, um navio com itens de sobrevivência para palestinos.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Política

Últimas notícias

Apagão cibernético afeta companhias aéreas, bancos e emissoras ao redor do mundo

Apagão cibernético afeta companhias aéreas, bancos e emissoras ao redor do mundo

Falha vem sendo relatada sobretudo por usuários da Microsoft
CNC: intenção de consumo reduz, mas satisfação com renda é a maior desde 2015

CNC: intenção de consumo reduz, mas satisfação com renda é a maior desde 2015

Crédito ainda seletivo deixa famílias de baixa renda com pouca perspectiva de compras
Parlamento israelense vota contra criação de Estado palestino

Parlamento israelense vota contra criação de Estado palestino

Partidos alegaram que ação representaria um perigo existencial para o país, provocando conflito
MEC libera consulta às bolsas ofertadas pelo Prouni; veja como acessar

MEC libera consulta às bolsas ofertadas pelo Prouni; veja como acessar

Programa ofertará mais de 243 mil vagas em universidade privadas do país; inscrições começam em 23 de julho
SBT News na TV: terremoto de 7,3 graus atinge Chile e é sentido por brasileiros

SBT News na TV: terremoto de 7,3 graus atinge Chile e é sentido por brasileiros

Confira o que foi notícia ao longo do dia e os assuntos que serão destaque nesta sexta-feira (19); assista!
Trump promete "maior operação de deportação da história dos EUA" se eleito

Trump promete "maior operação de deportação da história dos EUA" se eleito

Declaração foi feita durante discurso na Convenção Nacional do Partido Republicano
Caixa libera parcela do Bolsa Família para beneficiários com NIS final 2

Caixa libera parcela do Bolsa Família para beneficiários com NIS final 2

Recurso pode ser sacado em agências bancárias ou movimentado virtualmente
Mega-Sena acumula e chega a R$ 53 milhões; veja os números sorteados

Mega-Sena acumula e chega a R$ 53 milhões; veja os números sorteados

Quina teve 201 apostas ganhadoras, que vão receber mais de R$ 14 mil cada
Dia Nacional do Futebol: entenda a origem da data comemorativa de 19 de julho

Dia Nacional do Futebol: entenda a origem da data comemorativa de 19 de julho

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) oficializou o Dia Nacional do Futebol em 1976
No 1º discurso após o atentado, Trump adota discurso moderado e pede que "discórdia" e "divisão" sejam curadas

No 1º discurso após o atentado, Trump adota discurso moderado e pede que "discórdia" e "divisão" sejam curadas

Ex-presidente também destacou que poderia ter morrido e relembrou detalhes do atentado
Publicidade
Publicidade