Publicidade

Após críticas, Mauro Vieira defende nota do Itamaraty sobre ataques do Irã contra Israel

Ministro das Relações Exteriores afirmou que comunicado foi escrito em momento em que informações sobre o conflito não estavam claras

Após críticas, Mauro Vieira defende nota do Itamaraty sobre ataques do Irã contra Israel
Publicidade

Mauro Vieira, ministro das Relações Exteriores, afirmou nesta segunda-feira (15) que o posicionamento do governo brasileiro em relação aos ataques do Irã contra Israel foi elaborado em um momento em que a extensão e o alcance da ofensiva ainda não estavam claros.

+Irã começa ataque contra Israel com dezenas de drones

“Ela [nota do Itamaraty] foi feita à noite, às 23h, quando todo o movimento começou. E nós manifestamos o temos de que o assunto, o início da operação, pudesse contaminar outros países. Isso foi feito à noite, num momento em que não tínhamos claros a extensão e o alcance das medidas tomadas; e sempre fizemos um apelo para contenção e entendimento entre as partes”, afirmou o ministro em resposta às críticas que entidades judaicas fizeram sobre o texto por não condenar diretamente Teerã.

Vieira, então, foi questionado se, com todas as informações disponíveis, condenava os ataques iranianos. “O Brasil condena sempre qualquer ato de violência, e o Brasil conclama sempre ao entendimento entre as partes”, respondeu.

O comunicado

O Itamaraty divulgou um comunicado na noite de sábado (13) afirmando acompanhar com “grave preocupação” os “relatos de envio de drones e mísseis do Irã em direção a Israel”. Também conclamava “a comunidade internacional a mobilizar esforços no sentido de evitar uma escalada” e recomendava a cidadãos brasileiros que evitassem viajar para países do Oriente Médio.

O posicionamento foi criticado por entidades judaicas, como o Instituto Brasil-Israel, que afirmou que o governo brasileiro “perdeu a oportunidade de condenar um ataque flagrantemente ilegal que pode levar a instabilidade na região a níveis imprevisíveis”.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Irã
Israel
Ministro

Últimas notícias

PEC retira propriedade exclusiva da União sobre terrenos no litoral; entenda ponto a ponto

PEC retira propriedade exclusiva da União sobre terrenos no litoral; entenda ponto a ponto

O senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ) apresentou parecer favorável ao texto, que tramita na Comissão de Constituição e Justiça do Senado
Taxação das blusinhas: por falta de acordo, Câmara vai votar Mover na última semana

Taxação das blusinhas: por falta de acordo, Câmara vai votar Mover na última semana

Programa de Mobilidade Verde precisa ser votado até dia 31 de maio, para que medida provisória não deixe de valer; deputados analisam nesta terça-feira
Foguete lançado pela Coreia do Norte para implantar satélite espião explode após a decolagem

Foguete lançado pela Coreia do Norte para implantar satélite espião explode após a decolagem

Moradores do Japão receberam alerta para procurarem abrigo por conta do lançamento
“Temos que começar a pensar em prevenção”, diz Marcos Pontes sobre desastres naturais

“Temos que começar a pensar em prevenção”, diz Marcos Pontes sobre desastres naturais

Em entrevista ao SBT News, senador discutiu as lições que podem ser aprendidas com calamidade vivida no RS
Professores criticam e governo assina proposta de reajuste com apenas um sindicato

Professores criticam e governo assina proposta de reajuste com apenas um sindicato

Acordo estabelece adequações entre 13,3% e 31,2% e foi recusado por docentes de universidades federais
Lula conversa com Oliver Stone e agradece por documentário

Lula conversa com Oliver Stone e agradece por documentário

Cineasta americano lançou filme sobre presidente no Festival de Cannes
“Biden prioriza Israel em detrimento da própria vitória eleitoral”, analisa especialista sobre ataque a Rafah

“Biden prioriza Israel em detrimento da própria vitória eleitoral”, analisa especialista sobre ataque a Rafah

Recente ataque de Israel a Rafah foi tema de discussão no Poder Expresso desta segunda-feira (27)
Lewandowski se reúne com secretários de Segurança para debater o uso de recursos públicos

Lewandowski se reúne com secretários de Segurança para debater o uso de recursos públicos

Segundo o Ministério da Justiça, cerca de quatro bilhões que foram repassados aos estados pelo governo federal precisam ser utilizados até o fim deste ano
Paris tem quase tudo pronto para a realização dos Jogos Olímpicos

Paris tem quase tudo pronto para a realização dos Jogos Olímpicos

Estruturas dos locais de competição estão sendo finalizadas; cidade terá medidas especiais de segurança
Caso Marielle: em depoimento, Ronnie Lessa diz que poderia ganhar R$ 100 milhões com assassinato

Caso Marielle: em depoimento, Ronnie Lessa diz que poderia ganhar R$ 100 milhões com assassinato

Ex-policial militar afirmou ainda que o ex-deputado federal Marcelo Freixo era alvo dos mandantes do crime antes da vereadora
Publicidade
Publicidade