Publicidade

Atriz Melissa Barrera é demitida do filme Pânico 7 após postagens pró-Palestina

Artista mexicana protagonizou o retorno da franquia de terror no quinto e sexto títulos da saga; ela comparou crise humanitária em Gaza a um campo de concentração

Atriz Melissa Barrera é demitida do filme Pânico 7 após postagens pró-Palestina
Atriz Melissa Barrera é demitida do filme Pânico 7 após postagens pró-Palestina (Reprodução/IMDb)
Publicidade

A atriz Melissa Barrera foi demitida do filme de terror Pânico 7 (Scream VII, em inglês) nessa 3ª feira (21.nov) após postagens pró-Palestina publicadas nos stories do Instagram. O longa-metragem ainda não começou a ser filmado.

+ Acompanhe a cobertura da guerra

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

A mexicana escreveu na rede social que "Gaza está sendo tratada como um campo de concentração", fazendo comparação da crise humanitária provocada pela guerra Israel-Hamas na região ao Holocausto.

"Encurralando as pessoas todas juntas, sem lugar para ir, sem eletricidade nem água... As pessoas não aprenderam nada com a história. E, como acontece na história, as pessoas assistem a tudo silenciosamente. Isto é genocídio e limpeza étnica", publicou a artista, de 33 anos.

Em comunicado à reportagem do site The Hollywood Reporter, um porta-voz da Spyglass, produtora responsável por Pânico 7, explicou a demissão:

"A posição da Spyglass é inequivocadamente clara: temos zero tolerância pelo antissemitismo e pela incintação ao ódio em qualquer forma, incluindo referências falsas a genocídio, limpeza étnica, distorções do Holocausto ou qualquer coisa que flagrantemente cruze a linha e entre no discurso de ódio", justificou a companhia.

Barrera ajudou a reiniciar a franquia após mais de uma década sem novidades nos filmes Pânico (2022) e Pânico VI (2023), intepretando a protagonista Sam Carpenter, irmã mais velha da personagem Tera, de Jenna Ortega (Wandinha).

Com a repercussão do caso, o diretor de Pânico 7, Christopher Landon (A Morte Te Dá Parabéns), usou sua conta no X (antigo Twitter) para se pronunciar. "Este é o meu comunicado: tudo é uma m*. Parem de gritar. Não cabia a mim tomar esta decisão", disse. 

O sétimo filme ainda não tem título oficial e segue sem previsão de estreia. A franquia de terror Pânico começou em 1996, com direção de Wes Craven (A Hora do Pesadelo). O cineasta, que morreu em 2015, também comandou três continuações, lançadas em 1997, 2000 e 2011.

Ontem, a atriz Susan Sarandon, de 77 anos, foi desligada da agência de talentos UTA após também dar declarações pró-Palestina e fazer comentários sobre judeus.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbtnews
portalnews
noticias
melissa barrera
pânico 7
pânico vii
filmes
cinema
christopher landon
spyglass
guerra-israel
hamas
palestina
faixa de gaza
oriente médio
mundo
felipe moraes
entretenimento
cultura
hollywood

Últimas notícias

Com 30% dos votos, Éder Mauro segue liderando disputa pela Prefeitura de Belém

Com 30% dos votos, Éder Mauro segue liderando disputa pela Prefeitura de Belém

Delegado conta com 17 pontos percentuais à frente do atual prefeito da capital paraense
Fiocruz alerta para aumenta de doenças infecciosas e acidentes com animais peçonhentos no RS

Fiocruz alerta para aumenta de doenças infecciosas e acidentes com animais peçonhentos no RS

Aglomeração em abrigos e contado com água contaminada estão entre os motivos
SP: Memorial da América Latina recebe festa junina gratuita a partir deste sábado (15)

SP: Memorial da América Latina recebe festa junina gratuita a partir deste sábado (15)

Evento contará com mais de 500 opções de pratos, espaço kids e pet friendly; veja programação
Lula quebra silêncio e comenta sobre PL antiaborto: “insanidade"

Lula quebra silêncio e comenta sobre PL antiaborto: “insanidade"

Presidente disse que não é a favor do procedimento, mas que tema precisa ser tratado como questão de saúde publica
Pix representou 30% das transações no comércio eletrônico em 2023, diz pesquisa

Pix representou 30% das transações no comércio eletrônico em 2023, diz pesquisa

Meio de pagamento instantâneo ficou atrás apenas do cartão de crédito; popularidade deve crescer até 2027
Ginecologistas pedem que Lira retire PL que equipara aborto a homicídio da pauta da Câmara

Ginecologistas pedem que Lira retire PL que equipara aborto a homicídio da pauta da Câmara

Federação criticou proposta e disse que tema necessita de ampla discussão prévia
Juscelino terá reunião decisiva com Lula, mas fragilidade do governo na Câmara pode frear demissão

Juscelino terá reunião decisiva com Lula, mas fragilidade do governo na Câmara pode frear demissão

Ministro das Comunicações tem apoio do União Brasil com quem Lula deve negociar troca no comando da pasta
Prefeito tem celular roubado durante live no Rio Grande do Sul

Prefeito tem celular roubado durante live no Rio Grande do Sul

Aparelho foi recuperado depois do rastreamento do carro usado pelo criminoso
Morre adolescente de 14 anos, vítima do incêndio em oficina de motos em SC

Morre adolescente de 14 anos, vítima do incêndio em oficina de motos em SC

Bernardo Alves da Silva estava internado em estado grave desde o começo do mês
Ucrânia chama exigências de Putin de "absurdas" e rejeita plano de cessar-fogo

Ucrânia chama exigências de Putin de "absurdas" e rejeita plano de cessar-fogo

Governo defendeu que presidente russo está tentando “enganar” as potências mundiais para minar os esforços diplomáticos de paz
Publicidade
Publicidade