Publicidade

Restaurante tailandês é 1º do sudeste asiático a vender pizza com maconha

Segundo rede de fast food, produto não deixa pessoas alteradas

Restaurante tailandês é 1º do sudeste asiático a vender pizza com maconha
crazy happy pizza
Publicidade

A The Pizza Company, uma das principais redes de fast food da Tailândia, tem promovido sua crazy happy pizza (pizza feliz louca, em tradução livre), que se trata de uma pizza com mistura de coberturas que evocam sabores da sopa tailandesa Tom Yum Gai, junto a uma folha de cannabis frita por cima, com cannabis infundida na crosta do queijo e picada no molho.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

Segundo o gerente-geral da pizzaria, Panusak Suensatboon, ingerir o alimento não fará o consumidor ter as percepções da realidade alterada, mas sim um pouco de sono, se houver maconha "suficiente" em sua refeição. Ainda de cordo com Panusak, trata-se apenas de uma campanha de marketing bem elaborada. Já o professor-associado e reitor da Chulalongkorn Business School de Bangkok, Wilert Puriwat, acredita que o uso de cannabis para marketing pode ser eficaz em um estágio inicial, mas os empresários precisam de estratégias para que funcione a longo prazo.

A planta da cannabis é usada com dois propósitos principais: como cânhamo para fazer corda e roupas, e como a droga conhecida como maconha. Nos últimos anos, surgiu uma espécie de produto intermediário: o canabidiol, ou CBD, uma substância química encontrada na cannabis que pode ser transformada no que é considerado um remédio medicinal. O CBD pode ser separado do tetrahidrocanabinol (THC) - substância química da planta, que produz o efeito da maconha.

A maconha para fins recreativos é ilegal na Tailândia e pode render uma multa e uma pena de prisão, embora as leis sobre as drogas tenham sido liberalizadas nos últimos anos. A cannabis é regulamentada para uso medicinal e os indivíduos podem cultivar um pequeno número de plantas para seu próprio consumo.

Em dezembro passado, a Tailândia se tornou o primeiro país do sudeste asiático a remover partes e extratos específicos de cannabis de sua lista de narcóticos controlados e, em fevereiro deste ano, permitiu que fossem usados em alimentos e bebidas. A quantidade de THC no produto CBD não deve ultrapassar 0,2% de seu peso total, praticamente eliminando a possibilidade de ficar alto.

A crazy happy pizza está disponível em todas as filiais da The Pizza Company na Tailândia, mas as vendas têm sido fracas, de acordo com Panusak. Ela enfrentou desvantagens: não pode ser legalmente anunciada ou vendida a menores de 12 anos. Ele estima que, quando a empresa encerrar sua promoção de vendas na próxima 3ª feira (30.nov), terá de jogar fora cerca de um quinto das folhas de cannabis que adquiriu. "Não acho que o mercado esteja pronto para os produtos de cannabis ainda. Sabíamos disso desde o início", disse Panusak. "Queríamos apenas ser os primeiros a lançar algo novo e inovador no mercado".

Uma fatia custa aproximadamente US$ 15,00 (R$ 84,15). Para os clientes que preferem uma variedade do tipo "faça você mesmo", com duas ou três folhas de cannabis, é possível escolher seu próprio molho por uma taxa extra de US$ 3,00 (R$ 16,83).

**Com informações da Associated Press

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbtnews
portalnews
cdb
thc
cannabis
tailândia
sudeste asiático
chulalongkorn business school de bangkok
the pizza company
crazy happy pizza
pizza feliz louca
mundo

Últimas notícias

Mega-Sena acumula e chega a R$ 60 milhões; veja os números sorteados

Mega-Sena acumula e chega a R$ 60 milhões; veja os números sorteados

Quina teve 75 apostas ganhadoras, que vão receber mais de R$ 41 cada
De nudez no SuperBowl a aborto forçado: relembre polêmicas de Justin Timberlake

De nudez no SuperBowl a aborto forçado: relembre polêmicas de Justin Timberlake

Cantor foi detido por dirigir embriagado. Mas a prisão foi somente mais um episódio controverso na carreira do astro
Saiba quais são as 30 cidades grandes com as maiores taxas de homicídios do Brasil

Saiba quais são as 30 cidades grandes com as maiores taxas de homicídios do Brasil

Cinco cidades baianas estão à frente. Taxas superaram 50 homicídios por 100 mil habitantes em 2022, segundo Atlas da Violência
Marcos Rogério assume liderança da oposição ao governo no Senado

Marcos Rogério assume liderança da oposição ao governo no Senado

Atualmente no cargo, Marinho se afasta do cargo por 120 dias para se dedicar às eleições municipais
Rodrigo Pacheco chama projeto sobre aborto de “irracional” e “inviável”

Rodrigo Pacheco chama projeto sobre aborto de “irracional” e “inviável”

Presidente do Senado se posicionou acerca do polêmico tema diante de parte da bancada feminina da Casa
Policiais civis são alvo de tiros durante operação na Maré (RJ)

Policiais civis são alvo de tiros durante operação na Maré (RJ)

Agentes realizavam operação contra estabelecimentos comerciais que receptavam e revendiam roupas de grifes roubadas
Caso Paquetá: Senado aprova convite para ouvir o jogador na CPI da Manipulação no Futebol

Caso Paquetá: Senado aprova convite para ouvir o jogador na CPI da Manipulação no Futebol

Por se tratar de um convite, o jogador pode recusar a participação
Incêndio de grande proporção atinge prédio comercial na Grande SP

Incêndio de grande proporção atinge prédio comercial na Grande SP

Nove equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas e conseguiram conter o fogo no local
Brasil aparece entre os piores países em pensamento criativo nas salas de aula

Brasil aparece entre os piores países em pensamento criativo nas salas de aula

No ranking com 56 países, o Brasil aparece na 44ª colocação, empatado com Peru, Panamá e Arábia Saudita
Quase 500 criminosos são presos em operação na Bahia

Quase 500 criminosos são presos em operação na Bahia

Segundo a polícia, integrante de um grupo criminoso que gerenciava um laboratório de drogas em Castelo Branco foi localizado por equipes do Depom
Publicidade
Publicidade