Publicidade

Peruanos voltam às urnas para escolher novo presidente

Disputa está entre Pedro Castillo, do partido Peru Livre, e Keiko Fujimori, do Força Popular

Peruanos voltam às urnas para escolher novo presidente
eleicoes peru
Publicidade

Mais de 25,28 milhões de peruanos decidirão neste domingo (6.jun) o próximo presidente do Peru. Candidatos mais votados no primeiro turno, que ocorreu em 11 de abril, Pedro Castillo, do partido Peru Livre, e Keiko Fujimori, do Força Popular, disputam para ver quem sucederá o atual mandatário, Francisco Sagasti.

De acordo com o Instituto Ipsos, Fujimori terá 50,3% dos votos válidos contra 49,7% Castillo. O resultado oficial, no entanto, só será divulgado após apuração de votos.

Além do futuro presidente, os peruanos elegerão dois vice-presidentes para os próximos cinco anos. Para tentar impedir aglomerações em meio à pandemia da covid-19, as autoridades adotaram medidas como a sugestão de votação escalonada, recomendando que os eleitores procurem votar nos horários sugeridos conforme o número do documento de identidade (DNI). 

Mais cedo, o chefe da Onpe, Piero Corvetto, convocou os peruanos a votar. "Ninguém pode ficar em casa. Vamos em massa às urnas", disse Corvetto, pedindo que os eleitores utilizem duas máscaras, levem caneta, confirmem antes de sair de casa o local de votação e cumpram todos os protocolos de prevenção, recomendados por autoridades sanitárias, como manter o distanciamento social e mãos e objetos higienizadas com álcool 70°.

O presidente do Jurado Nacional de Elecciones (JNE), espécie de tribunal eleitoral peruano, Jorge Luis Salas Arenas, disse, esta manhã, não haver risco de fraudes no pleito. Em uma mensagem dirigida não só aos peruanos, mas também à comunidade internacional, Arenas garantiu que os órgãos eleitorais "procederão com a mais estrita imparcialidade, respeitando à vontade dos cidadãos do país".

Arenas destacou que a votação está sendo acompanhada de perto por observadores internacionais e por membros de partidos políticos peruanos. Os dois candidatos à presidência também declararam que respeitarão o resultado das urnas.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
mundo
eleicoes
peru

Últimas notícias

Polícia pede prisão preventiva de suspeitos de matar motorista de aplicativo

Polícia pede prisão preventiva de suspeitos de matar motorista de aplicativo

Felipe Gambeta Malheiro e Gustavo Moreira Cardozo são acusados de provocar acidente que resultou na morte de Ednaldo de Souza Mendes, no dia 13 de julho
Brian Rodríguez: atacante uruguaio cobiçado pelo Corinthians é investigado por estupro

Brian Rodríguez: atacante uruguaio cobiçado pelo Corinthians é investigado por estupro

Caso teria ocorrido em maio, no México. Time paulista está disposto a pagar 5 milhões de euros por 50% dos direitos econômicos do atleta
25 de julho: entenda em 5 pontos a importância do Dia da Mulher Negra

25 de julho: entenda em 5 pontos a importância do Dia da Mulher Negra

No Brasil, mulheres pretas e pardas sofrem mais violência, são maioria dos desempregados e minoria entre políticos e juízes
Operação da Polícia Militar deixa três mortos no morro do Juramento (RJ)

Operação da Polícia Militar deixa três mortos no morro do Juramento (RJ)

Outros cinco suspeitos foram presos; foram apreendidos três fuzis, duas pistolas e drogas
Sequestro de bebê: médica pediu exoneração de universidade no começo do mês

Sequestro de bebê: médica pediu exoneração de universidade no começo do mês

Neurologista era professora efetiva da Universidade Estadual de Goiás desde 2019 e agora está presa
Governo bate recorde histórico de arrecadação em junho: R$ 208,8 bilhões

Governo bate recorde histórico de arrecadação em junho: R$ 208,8 bilhões

Valor representa um aumento real (acima da inflação) de 11,02% frente ao mesmo período de 2023; recorde do semestre também foi batido
Paraguaios trabalhavam sem receber salário em fábrica clandestina de cigarros no RJ

Paraguaios trabalhavam sem receber salário em fábrica clandestina de cigarros no RJ

Eles foram resgatados pela Polícia Militar; grupo teve os celulares retirados e foi levado vendado até o local
Idec considera “falácia” e uma "punição coletiva" o adiamento da Meta AI no Brasil

Idec considera “falácia” e uma "punição coletiva" o adiamento da Meta AI no Brasil

Entidade de defesa do consumidor diz que justificativa da empresa de tecnologia é “questionável”
Operação policial contra milícia deixa quatro mortos em Nova Iguaçu (RJ)

Operação policial contra milícia deixa quatro mortos em Nova Iguaçu (RJ)

Criminosos foram capturados pela PRF após um serviço de monitoramento da Polícia Civil
Vídeo: criminoso fica preso em carro após assaltar motorista no Rio

Vídeo: criminoso fica preso em carro após assaltar motorista no Rio

Caso aconteceu na noite de quarta-feira (24) e repercutiu nas redes socais; veja
Publicidade
Publicidade