Publicidade

Diário da Guerra 11: siga as últimas informações sobre o ataque à Ucrânia

Acompanhe a cobertura em tempo real do SBT News no conflito entre russos e ucranianos

Diário da Guerra 11: siga as últimas informações sobre o ataque à Ucrânia
guerra na ucrania entra no 11ºdia
Publicidade

RESUMO:

  • Menino de 11 anos foge da Ucrânia e chega sozinho na Eslováquia
  • Avião da FAB levará ajuda humanitária para Ucrânia
  • Presidente ucraniano faz apelo para que povo russo combata a guerra
  • Zelensky diz que aeroporto civil de Vinnytsia foi destruído
  • "Não se trata de operação militar, mas uma guerra", diz Papa Francisco
  • OMS diz que vários hospitais foram atacados na Ucrânia
  • Visa, Mastercard e PayPal deixam de operar na Rússia
  • Mais de 2500 pessoas foram detidas em protestos na Rússia
  • Ministro ucraniano indaga Shell após empresa comprar petróleo russo
  • Fracassa operação de resgate de civis; novo cessar-fogo não é respeitado
  • No Brasil, governo e oposição divergem sobre a guerra
  • Zelensky pede aviões de guerra para os Estados Unidos
  • Tentativa de Zelenskiy de garantir ajuda direta da Otan não beneficia as negociações, diz ministro russo
  • Sistemas de segurança da Usina Nuclear de Zaporizhzhia estão intactos, afirma a Agência Internacional de Energia Atômica
  • "Não reconhecem nosso direito de existir", afirma o Ministro ucraniano Dmytro Kuleba  
  • Secretário de Estado dos EUA, Anthony Blinken pede verba para ajuda humanitária à Ucrânia

-------------
>>> ACOMPANHE O TEMPO REAL DA COBERTURA DA GUERRA
-------------

22h20 - Um menino de apenas 11 anos, conseguiu fugir da guerra na Ucrânia e chegar a salvo após cruzar a fronteira com a Eslováquia. Ele trazia apenas um saco plástico, o passaporte, um número de telefone anotado na mão e um pedaço de papel com detalhes escondidos no casaco.

-----------

22h11 - A Força Aérea Brasileira (FAB) enviará na próxima 2ª feira (7.mar), uma aeronave KC-390 Millennium, para resgatar os brasileiros que fugiram para a Polônia. Além do resgate, ela deixará uma carga de 11,6 toneladas de ajuda humanitária para a Ucrânia. 

-----------

20h20 - Zelensky, fez um pronunciamento neste domingo (06.mar), em que se dirigiu ao povo russo e pediu que eles se posicionem contra a guerra. "Cidadãos russos, essa não é só a luta pela paz na Ucrânia, mas pela riqueza que vocês tinham no seu país. Se ficarem calados, a miséria vai falar por vocês no futuro. Não fiquem calados"

-----------

18h05 - O presidente ucraniano Volodymyr Zelensky,  afirmou neste domingo (6.mar), que o aeroporto civil de Vinnytsia, na região oeste do país, foi atacado. "Acabei de receber um relatório sobre um ataque contra Vinnytsia. Oito mísseis contra nossa cidade, contra nossa pacífica e adorável Vinnytsia, que nunca representou nenhuma ameaça para a Rússia" disse Zelensky peloTwitter.

-----------

17H52 - "Rios de sangue e lágrimas correm na Ucrânia. Não é apenas uma operação militar, mas uma guerra, que semeia morte, destruição e miséria. O número de vítimas está aumentando, assim como as pessoas que fogem, especialmente mães e crianças. A necessidade de assistência humanitária naquele país problemático está crescendo dramaticamente a cada hora", declarou o pontífice.

-----------

14h12 - Em meio aos ataques russos à Ucrânia há mais de uma semana, o Conselho de Direitos Humanos abriu inquérito para apurar as violações aos direitos humanos praticadas durante os ataques russos. Anunciada em Genebra, na sede do Conselho, a medida foi aprovada com 32 votos dos 47 membros, sendo que dois votaram contra e 13 não se posicionaram.

-----------

13h15 -  Neste domingo (6.mar), durante protestos em 49 cidades na Rússia contra o ataque à Ucrânia, mais 2500 pessoas foram detidas. As informações são do grupo independente de monitoramento de protestos e de direitos humanos OVD-Info, que fica também na Rússia e visa combater a perseguição política. Segundo Maria Kuznetsova, porta-voz da organização de monitoramento, 'os parafusos estão sendo totalmente apertados', em relato à agência Reuters. "Estamos vendo protestos bem grandes, mesmo em cidades siberianas, onde raramente vimos esse número de prisões", relata.

-----------

12h56 -  Uma das passagens de saída dos civis que ainda estão em território ucraniano e buscam cruzar a fronteira foi atingida na manhã deste domingo (06.mar). O ataque a Irpin, na região oeste de Kiev, deixou três mortos, entre eles duas crianças, segundo informações de autoridades ucranianas. A retirada de civis da região de Mariupol e Volnovakha, que deveriam ter acontecido no último sábado (05.mar), foram adiadas para esse domingo após o rompimento do acordo de cessar-fogo por parte da Rússia. Na ocasião, a medida foi tomada pelo Comitê Internacional da Cruz Vermelha, responsável pela evacuação segura dos civis.

-----------

12h27 - Neste domingo (6.mar), durante protestos em 49 cidades na Rússia contra o ataque à Ucrânia, mais 2500 pessoas foram detidas. A OVD-Info aponta que 2.502 pessoas foram presas até o momento. Desde o começo da invasão, em 24 de fevereiro, a organização registrou 11.345 presos.

-----------

12h04 - O segundo dia de retirada de civis da cidade de Mariupol e Volnovakha, na Ucrânia, foi frustrado novamente por causa de novos ataques na manhã deste domingo (06.mar). Segundo o jornal Pravda, o Batalhão de Azov, das forças ucranianas divulgaram nas redes sociais Twitter e Telegram que novos bombardeios foram realizados pelo exército da Rússia.

"Precisamos entender que por causa da morte de civis pelas forças de ocupação - não pode haver garantia de segurança dos "corredores verdes", diz publicação do regimento de Azov.

-----------

11h25 - A Cruz Vermelha confirmou a suspensão da operação de resgate nas redes sociais, que deveria acontecer a partir do meio-dia, hora local, 7h em Brasília. O cessar-fogo estava acordado inicialmente para durar até as 16h (Brasilia), 21h na Ucrânia. 

-----------

10h45 - A empresa petrolífera anglo-holandesa Shell defendeu a decisão de comprar petróleo bruto da Rússia, mesmo com a guerra e invasão da Ucrânia. Em comunicado, a companhia disse que foi uma decisão 'difícil' comprar o combustível com desconto. Além disso, explicou que a carga adquirida na última 6ªfeira (04.mar), foi comprada porque 'não tinha alternativa'. Quando soube, o ministro das Relações Exteriores ucraniano, Dmytro Kuleba fez duras críticas nas redes sociais questionando a Shell no Twitter: 'O petróleo russo não cheira a sangue ucraniano para você?' Ainda na publicação o político ucraniano pediu às empresas que cortem as relações comerciais com a Rússia.

-----------

10h15 - A empresa petrolífera anglo-holandesa Shell defendeu a decisão de comprar petróleo bruto da Rússia, mesmo com a guerra e invasão da Ucrânia. Em comunicado, a companhia disse que foi uma decisão 'difícil' comprar o combustível com desconto. Além disso, explicou que a carga adquirida na última 6ªfeira (04.mar), foi comprada porque 'não tinha alternativa'.

Quando soube, o ministro das Relações Exteriores ucraniano, Dmytro Kuleba fez duras críticas nas redes sociais questionando a Shell no Twitter: 'O petróleo russo não cheira a sangue ucraniano para você?' Ainda na publicação o político ucraniano pediu às empressas que cortem as relações comerciais com a Rússia.

Disseram-me que a Shell comprou discretamente um pouco de petróleo russo ontem. Uma pergunta para @Shell: o petróleo russo não cheira a sangue ucraniano para você? Apelo a todas as pessoas conscientes em todo o mundo para exigir que as empresas multinacionais cortem todos os laços comerciais com a Rússia, diz Kuleba no Twitter.

-----------

08h30 - Na manhã deste domingo (6.mar), o diretor da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, confirmou vários ataques a hospitais na Ucrânia em meio ao conflito com a Rússia. Segundo o executivo das Nações Unidas, em publicação no Twitter, os ataques deixaram várias mortes e feridos. Apesar de não ter citado a Rússia, Tedros relata que ataques violam o direito internacional e humanitário. "Ataques a instalações de saúde ou trabalhadores violam a neutralidade médica e são violações do direito internacional humanitário", disse.


 

-----------

07h30 - Ao contrário dos governos das principais economias do mundo, que se posicionaram veementemente contra a invasão russa à Ucrânia, o Executivo federal brasileiro apresentou posicionamentos conflitantes entre si sobre o evento. E dentro da oposição ao governo Jair Bolsonaro, o mesmo cenário é observado. Se por um lado, o chefe do Executivo disse ser solidário aos russos, e afirmou que o "equilíbrio é a posição mais sensata", por outro, o país votou a favor de resoluções que condenam a invasão, na ONU. Já na oposição, houve manifesto de presidenciáveis condenando o início da guerra pelos russos, mas também nota do PT culpando os Estados Unidos pela crise, que depois foi apagada, e o Partido da Causa Operária (PCO) - que apoia Luiz Inácio Lula da Silva na corrida presidencial - organizando atos a favor da Rússia e chamando a guerra na Ucrânia de "ação defensiva" russa.

_________________________
TUDO SOBRE A GUERRA ENTRE RÚSSIA E UCRÂNIA

+ Divergência sobre guerra não deve afetar relação econômica entre os Brics
+ Na capital da Ucrânia, a apreensão com um possível início da guerra
+ Ministro das Relações Exteriores da Ucrânia faz novo apelo por cessar-fogo
+ Macron e Putin conversam sobre cessar crise diplomática na Ucrânia
+ Europa acabará se usina nuclear atacada por russos explodir, diz Ucrânia

+ Ataque russo provoca incêndio na maior usina nuclear da Europa
+ Ucrânia afirma que Rússia vai decretar Lei Marcial
+ Presidente do MDB diz que partido não estará em federação
+ Exército da Ucrânia será reforçado com chegada de 16 mil estrangeiros
+ "Devemos evitar o pior", afirma Macron após conversa com Putin
+ Governo oficializa visto humanitário para ucranianos no Brasil
+ Ahmadinejad diz a Putin: "Pare essa guerra satânica ou terá remorso"
+ Fitch e Moody's rebaixam nota de crédito da Rússia após sanções
+ Geórgia e Moldávia formalizam pedido de entrada na União Europeia
+ Cerca de 115 brasileiros já deixaram a Ucrânia rumo a países vizinhos
+ Putin e premiê de Israel discutem conflito na Ucrânia em telefonema
+ Casa Branca detalha medidas restritivas contra a Rússia
+ Tribunal de Haia abre investigação sobre crimes cometidos pela Rússia
+ Rússia diz que não pretende usar armas nucleares "sob nenhum pretexto"
+ Mais de 1 milhão de pessoas deixaram a Ucrânia após o início da guerra
+ Rússia toma Kherson e aumenta ataques em Kiev
+ Os momentos que antecederam o início da guerra entre Rússia e Ucrânia
+ Conselho de Segurança aprova sessão emergencial da Assembleia Geral da ONU
+ O que é Swift? Entenda sistema do qual bancos russos serão excluídos
+ "Lutaremos o tempo que for necessário", diz presidente da Ucrânia
+ Fuga da Ucrânia: Brasileiro conta como foi sair de Kiev durante invasão

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbt
sbtnews
guerra-na-ucrania
russia
ucrania
ataques
guerra
kuleba
ministro
relacoes
exteriores
shell
combustivel
compra
russos
economia
twitter
post
redes
sociais
pressao
comercial
empresas
tempo
real
hospital
tedros
oms
centro
saude
portalnews

Últimas notícias

Número de peregrinos mortos na Arábia Saudita passa de 1.300

Número de peregrinos mortos na Arábia Saudita passa de 1.300

O ministro da Saúde saudita, Fahd bin Abdurrahman Al-Jalajel, disse que 83% das mortes são de peregrinos não autorizados
CNJ vai apurar esquema alvo da Polícia Federal de venda de sentenças no TJ paulista

CNJ vai apurar esquema alvo da Polícia Federal de venda de sentenças no TJ paulista

Luis Felipe Salomão, corregedor nacional de Justiça, abriu processo disciplinar contra desembargador Ivo de Almeida, afastado pelo STJ
“Achei que ela estava morta”, diz mãe após filha ser atacada por 6 cães XL American Bully, nos EUA

“Achei que ela estava morta”, diz mãe após filha ser atacada por 6 cães XL American Bully, nos EUA

A garota teve ferimentos em todo o corpo e espera por terapia há mais de um ano
Manifestantes voltam às ruas neste domingo contra projeto que equipara aborto a homicídio

Manifestantes voltam às ruas neste domingo contra projeto que equipara aborto a homicídio

Além de pressionar pelo arquivamento do projeto, os protestos criticaram o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL)
Lula viaja para São Paulo, onde deve visitar FHC e Noam Chomsky

Lula viaja para São Paulo, onde deve visitar FHC e Noam Chomsky

Presidente embarcou para a capital paulista na manhã deste domingo (21). Encontros ocorrem fora da agenda oficial
'Divertida Mente 2' dispara como maior bilheteria mundial de 2024

'Divertida Mente 2' dispara como maior bilheteria mundial de 2024

De acordo com a 'Variety' e 'Hollywood Reporter', até o momento, o segundo filme da franquia ultrapassou as vendas de 'Duna 2'
VÍDEO: Torcedores se enfrentam nas ruas do Rio antes de Fla x Flu

VÍDEO: Torcedores se enfrentam nas ruas do Rio antes de Fla x Flu

Um homem foi preso após confronto na Taquara; policiamento segue reforçado nas estações de trem e metrô
Mulher envolvida em sequestro de Marcelinho Carioca é presa em central de golpes bancários

Mulher envolvida em sequestro de Marcelinho Carioca é presa em central de golpes bancários

Eliane Lopes quebrou duas costelas ao tentar fugir e teve de receber atendimento médico
VÍDEO: Militares de Israel amarram palestino ferido ao capô de jipe na Cisjordânia

VÍDEO: Militares de Israel amarram palestino ferido ao capô de jipe na Cisjordânia

Exército disse em comunicado que a conduta dos soldados não condiz com os valores da corporação
Eduardo Paes anuncia desapropriação do terreno onde vai ser construído estádio do Flamengo

Eduardo Paes anuncia desapropriação do terreno onde vai ser construído estádio do Flamengo

Medida será publicada no Diário Oficial na segunda-feira (24); clube publicou nota comemorando decisão da prefeitura do Rio
Publicidade
Publicidade