Publicidade

Lula busca retomada das relações diplomáticas em viagem à Argentina

Presidente participará da cúpula da Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac)

Lula busca retomada das relações diplomáticas em viagem à Argentina
lula
Publicidade

O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, viaja, nesta domingo (22.jan), à Argentina, para participar da cúpula da Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac). Na bagagem, ele e a equipe levam a missão de retomar as boas relações do Brasil com os países vizinhos.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

A primeira viagem internacional de Lula do seu terceiro mandato visa marcar o início de um novo período, principalmente, com a Argentina. O país é um dos principais parceiros comerciais do Brasil, mas os dois se distanciaram nos quatro anos de governo Bolsonaro.

Em 2019, o ex-presidente brasileiro não compareceu à posse do presidente argentino, Alberto Fernández, e insinuou que o país poderia se tornar "uma Venezuela" por eleger um candidato de esquerda. O episódio ruim foi apenas o primeiro de vários que viriam pela frente. Agora, a ordem é mudar o rumo

Para o especialista em direito internacional Émerson Malheiro, o efeito da nova relação pode ter um efeito positivo para Lula a curto prazo, porque conseguirá apoio ao seu governo nas relações exteriores. "A longo prazo, isso trará benefícios para o Brasil em relação ao comércio com estados que não fazem parte do bloco regional", avalia.

Exportações
Em 2022, as exportações brasileiras para a Argentina somaram 15,3 bilhões de dólares, um valor praticamente igual ao do último ano do governo de Michel Temer, em 2018, de 14,9 bilhões de dólares.

Lula quer ampliar esses valores. Ele conta com a que tem com Alberto Fernández, que é muito melhor a do seu antecessor. O argentino visitou o petista quando ele estava preso na sede da Polícia Federal, em Curitiba, e marcou presença na posse deste ano. Os dois devem ter um encontro bilateral nesta 2ª feira.

"A relação política com a Argentina se desgastou nos últimos anos em virtude da atuação do governo de Jair Bolsonaro. Agora, Lula está alinhado com o governo da Argentina. Portanto, se houver acordos comerciais entre os estados, certamente essa relação tende a se reestabelecer", explica Malheiro.

Leia também:

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbtnews
portalnews
governo
lula
argentina
alberto fernandez
comunidade de estados latino-americanos e caribenhos
celac

Últimas notícias

Estuprador em série é preso em Belo Horizonte após não retornar de saidinha temporária

Estuprador em série é preso em Belo Horizonte após não retornar de saidinha temporária

Ronaldo Nobre dos Santos estava foragido desde 2018; polícia investiga outros crimes cometidos por ele durante fuga
SBT News na TV: Maduro rebate Lula sobre “banho de sangue” na Venezuela caso perca as eleições

SBT News na TV: Maduro rebate Lula sobre “banho de sangue” na Venezuela caso perca as eleições

Confira o que foi notícia ao longo do dia e os assuntos que serão destaque nesta quarta-feira (24); assista!
Balões com lixo enviados pela Coreia do Norte caem em complexo presidencial da Coreia do Sul

Balões com lixo enviados pela Coreia do Norte caem em complexo presidencial da Coreia do Sul

Autoridades descartaram risco de contaminação por itens; provocação aumenta tensão entre países
Caixa libera Bolsa Família para beneficiários com NIS final 5

Caixa libera Bolsa Família para beneficiários com NIS final 5

Recurso pode ser sacado em agências bancárias ou movimentado virtualmente
Bombeiros combatem seis focos de incêndios florestais no Pantanal (MS)

Bombeiros combatem seis focos de incêndios florestais no Pantanal (MS)

Fogo se intensificou no fim de semana por conta das condições climática
"Quem se assustou que tome um chá de camomila", diz Maduro após Lula comentar "banho de sangue"

"Quem se assustou que tome um chá de camomila", diz Maduro após Lula comentar "banho de sangue"

Maduro também perguntou ao público: "Vocês querem que chegue ao poder um Milei? Que chegue um Bolsonaro?"
Resultado Mega-Sena 2752: ninguém acerta dezenas e prêmio acumula para R$ 65 milhões

Resultado Mega-Sena 2752: ninguém acerta dezenas e prêmio acumula para R$ 65 milhões

Cinco pessoas acertaram a quina e levaram R$ 51.676,02 cada
Macron recusa nomeação de primeira-ministra indicada pela esquerda

Macron recusa nomeação de primeira-ministra indicada pela esquerda

Presidente francês disse que só tomará decisão após Jogos Olímpicos
"A Caverna Encantada": conheça a nova novela do SBT que promete emoção e mistério

"A Caverna Encantada": conheça a nova novela do SBT que promete emoção e mistério

Com uma história repleta de mistérios, confusões, diversão, amor e fé, a trama promete conquistar toda a família brasileira
Grupos palestinos assinam acordo para reconstruir a Faixa Gaza

Grupos palestinos assinam acordo para reconstruir a Faixa Gaza

Formação da comunidade foi acordada nesta terça-feira (23), na China
Publicidade
Publicidade