Publicidade

Prefeituras e estado terão imagens de satélites usados pela PF para ajudar na tragédia no RS

Ministro da Justiça e Segurança Pública disponibilizou mega sistema de monitoramento federal para auxiliar no enfrentamento às enchentes

Prefeituras e estado terão imagens de satélites usados pela PF para ajudar na tragédia no RS
Imagens do satélite de Eldorado do Sul (RS) em 21 de abril (esq.) e 6 de maio (dir.) | Divulgação/MJSP
Publicidade

As prefeituras e órgãos do estado que atuam na tragédia do Rio Grande do Sul terão acesso a imagens de satélite do sistema usado por órgãos de segurança, como a Polícia Federal (PF), meio ambiente e de gestão federais para auxílio nas ações de combate às enchentes e apoio aos quase meio de milhão de atingidos.

+ Lagoa dos Patos sobe 20 cm em 24h; é a 2ª elevação mais rápida desde o início das enchentes

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Lewandowski, anunciou nesta quinta-feira (16), que disponibilizou o programa modelo do governo usado pela Segurança Pública e por outros órgãos federais, como o Ministério de Meio Ambiente, para auxílio na recuperação dos estragos provocados pela enchente no estado.

Evolução da enchente em Porto Alegre: 20 de março, 19 de abril e 6 de maio | Divulgação/MJSP
Evolução da enchente em Porto Alegre: 20 de março, 19 de abril e 6 de maio | Divulgação/MJSP

O projeto gera diariamente imagens de satélite em alta resolução do país, emite alertas automáticos de crimes ambientais (desmatamento, garimpo clandestino, queimadas e plantio de drogas).

"O material oferece subsídios para combate e prevenção de desastres na região, como grandes alagamentos e deslizamentos de terra", informou o ministério.

Chuvas no RS: Trechos de estradas no interior têm tráfego retomado

Todas prefeituras e órgãos do governo do estado podem acessar o sistema, com prioridade para as cidades mais afetadas. Portarias assinadas pelo secretário-executivo do ministério da Justiça, Manoel Carlos de Almeida Neto, com o Ministério Público Estadual do Rio Grande do Sul, com a Secretaria Estadual de Planejamento, Governança e Gestão, com a Secretaria Estadual do Meio Ambiente e Infraestrutura e com a Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam) permitem o acesso.

Os interessados devem solicitar acesso ao sistema. Os órgãos públicos devem enviar um e-mail do gabinete da maior autoridade da instituição, por exemplo, do prefeito ou do gabinete do prefeito. O e-mail deve ser encaminhado para o endereço eletrônico brasilmais@pf.gov.br. Após o recebimento, a PF encaminhará o pedido à Secretaria Executiva do MJSP para concluir o processo.

Na mensagem é necessário fornecer informações básicas, como nome, sigla e endereço da instituição; nome, cargo e e-mail da maior autoridade e dos pontos focais; e lista de usuários para acesso (nome, cargo, e-mail, telefone, lotação). Os dados podem ser complementados posteriormente.

Os municípios podem utilizar quantas imagens precisarem para auxiliar no combate aos desastres. Além das imagens de satélite, também está disponibilizado acesso a alertas de deslizamentos. Nos últimos 30 dias, o programa emitiu 312 alertas para o Rio Grande do Sul.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Tragédia
Rio Grande do Sul
Polícia Federal
Ricardo Lewandowski
Ministério da Justiça

Últimas notícias

Marcos Rogério assume liderança da oposição ao governo no Senado

Marcos Rogério assume liderança da oposição ao governo no Senado

Atualmente no cargo, Marinho se afasta do cargo por 120 dias para se dedicar às eleições municipais
Rodrigo Pacheco chama projeto sobre aborto de “irracional” e “inviável”

Rodrigo Pacheco chama projeto sobre aborto de “irracional” e “inviável”

Presidente do Senado se posicionou acerca do polêmico tema diante de parte da bancada feminina da Casa
Policiais civis são alvo de tiros durante operação na Maré (RJ)

Policiais civis são alvo de tiros durante operação na Maré (RJ)

Agentes realizavam operação contra estabelecimentos comerciais que receptavam e revendiam roupas de grifes roubadas
Caso Paquetá: Senado aprova convite para ouvir o jogador na CPI da Manipulação no Futebol

Caso Paquetá: Senado aprova convite para ouvir o jogador na CPI da Manipulação no Futebol

Por se tratar de um convite, o jogador pode recusar a participação
Incêndio de grande proporção atinge prédio comercial na Grande SP

Incêndio de grande proporção atinge prédio comercial na Grande SP

Nove equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas e conseguiram conter o fogo no local
Brasil aparece entre os piores países em pensamento criativo nas salas de aula

Brasil aparece entre os piores países em pensamento criativo nas salas de aula

No ranking com 56 países, o Brasil aparece na 44ª colocação, empatado com Peru, Panamá e Arábia Saudita
Quase 500 criminosos são presos em operação na Bahia

Quase 500 criminosos são presos em operação na Bahia

Segundo a polícia, integrante de um grupo criminoso que gerenciava um laboratório de drogas em Castelo Branco foi localizado por equipes do Depom
80 milhões de pessoas estão sob alerta para altas temperaturas nos Estados Unidos

80 milhões de pessoas estão sob alerta para altas temperaturas nos Estados Unidos

Onda de calor extremo afeta quase todo o território americano
Lira anuncia que debate de projeto antiaborto só ocorrerá no segundo semestre

Lira anuncia que debate de projeto antiaborto só ocorrerá no segundo semestre

Presidente da Câmara afirma que projeto não "irá retroagir nos direitos já garantidos e nada irá avançar que traga qualquer dado aos diretos das mulheres"
"Não vamos intervir", afirma porta-voz de Milei sobre foragidos do 8 de janeiro

"Não vamos intervir", afirma porta-voz de Milei sobre foragidos do 8 de janeiro

Em entrevista ao SBT, Manuel Adorni disse que não cabe ao governo decidir sobre asilo a brasileiros condenados por atos antidemocráticos que estão na Argentina
Publicidade
Publicidade