Publicidade

Caso Paquetá: Senado aprova convite para ouvir o jogador na CPI da Manipulação no Futebol

Por se tratar de um convite, o jogador pode recusar a participação

Caso Paquetá: Senado aprova convite para ouvir o jogador na CPI da Manipulação no Futebol
Paquetá é acusado de receber cartão amarelo em quatro jogos da Premier League para beneficiar amigos em apostas | Instagram / Reprodução
Publicidade

A CPI da Manipulação no Futebol, criada pelo Senado Federal, aprovou, nesta terça-feira (18), um convite à Lucas Paquetá, meia do West Ham e da Seleção Brasileira, para ser ouvido pela comissão. Por se tratar de um convite, o jogador pode recusar a participação.

Paquetá é acusado de receber cartão amarelo em quatro jogos da Premier League para beneficiar amigos em apostas. O jogador nega as acusações, porém pode enfrentar uma suspensão de dez anos se for considerado culpado.

Por conta dessa investigação, o presidente da comissão, senador Jorge Kajuru (PSB-GO), e o vice-presidente, Eduardo Girão (Novo-CE), fizeram requerimentos para ouvi-lo na CPI. Kajuru justificou que ele deve ser ouvido, pois a acusação é de apostadores brasileiros.

"Se há evidências de uma relação direta entre apostadores brasileiros e o jogador, suspeita-se que eventuais intermediários possam estar atuando também em partidas de futebol do Brasil, o que torna ainda mais importante o testemunho de Lucas Paquetá", afirmou Kajuru.

Além de Paquetá, o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, também foi convidado. Como o requerimento dos senadores foi de convite, tanto Paquetá quanto Ednaldo podem recusar. Ao contrário das convocações, os acusados são obrigados a comparecer.

Relembre o caso

Em maio, Lucas Paquetá foi indiciado formalmente pela Football Association (FA), entidade responsável pelo futebol inglês, por suposta violação de regras relacionadas a apostas esportivas na Premier League. Ele é acusado de receber cartão amarelo em quatro jogos para beneficiar amigos em apostas.

A Football Association, federação de futebol inglesa, iniciou as investigações no ano passado, após receber um alerta de um número incomum de apostas feitas na ilha onde nasceu o jogador.

Segundo o jornal "The Sun", cerca de 60 pessoas fizeram apostas em Paquetá, com valores variando entre 7 libras esterlinas (cerca de R$ 47,00) e 400 libras (cerca de R$ 2.700), levando a ganhos combinados de 100.000 libras (cerca de R$ 677.000).

O jogador nega as acusações, porém pode enfrentar uma suspensão de dez anos se for considerado culpado. Os advogados de Paquetá estiveram com as autoridades inglesas para responder formalmente às acusações.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

apostas esportivas
jogador
Futebol
Senado

Últimas notícias

Pagamentos do Bolsa Família começam nesta semana; veja datas

Pagamentos do Bolsa Família começam nesta semana; veja datas

Benefício é destinado a famílias com renda per capita de até R$ 218
SBT News na TV: Nego Di é preso por golpe de R$ 5 milhões em rifa virtual

SBT News na TV: Nego Di é preso por golpe de R$ 5 milhões em rifa virtual

Confira o que foi notícia ao longo do dia e os assuntos que serão destaque nesta segunda-feira (15); assista!
Vídeo: Nego Di chega algemado ao Palácio da Polícia em Porto Alegre após ser preso por estelionato

Vídeo: Nego Di chega algemado ao Palácio da Polícia em Porto Alegre após ser preso por estelionato

Ele é suspeito de aplicar um golpe de rifa virtual que causou prejuízo de R$ 5 milhões a clientes
Após identificar atirador, FBI busca informações sobre a motivação do atentado contra Trump

Após identificar atirador, FBI busca informações sobre a motivação do atentado contra Trump

O diretor da polícia dos Estados Unidos declarou que as autoridades “não deixarão pedra sobre pedra” na investigação sobre a tentativa de assassinato
Jornalismo ambiental e de dados e pautas sociais foram destaques no Congresso da Abraji

Jornalismo ambiental e de dados e pautas sociais foram destaques no Congresso da Abraji

19º Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo terminou neste domingo (14), em São Paulo
Vítima de atentado contra Trump morreu tentando proteger sua família

Vítima de atentado contra Trump morreu tentando proteger sua família

Corey Comperatore, de 50 anos, era bombeiro e tinha duas filhas. Ele morreu pelos disparos de Thomas Crooks. Outros dois homens foram feridos gravemente
Lula lamenta morte do pai do ex-governador do Rio Sergio Cabral

Lula lamenta morte do pai do ex-governador do Rio Sergio Cabral

Em nota de pesar, o presidente da República ressaltou, entre outros atributos, a “irreverência” na carreira do jornalista, que faleceu aos 87 anos
Atentado a Trump eleva valor do bitcoin, que supera o patamar de US$ 60 mil

Atentado a Trump eleva valor do bitcoin, que supera o patamar de US$ 60 mil

Segundo analistas, chance de retorno do ex-presidente ao poder aumentou, e ele é a favor da desregulamentação do mercado financeiro
Responsável por atentado contra Trump agiu sozinho, afirma FBI

Responsável por atentado contra Trump agiu sozinho, afirma FBI

Thomas Matthew Crooks, de 20 anos, foi o atirador que tentou assassinar Donald Trump
Presidente da Itália, Sergio Mattarella, chega ao Brasil neste domingo

Presidente da Itália, Sergio Mattarella, chega ao Brasil neste domingo

Esta é a primeira visita de um chefe de Estado italiano ao país em 24 anos
Publicidade
Publicidade