Publicidade

Rei Charles III envia carta ao Cacique Raoni

Correspondência foi entregue em evento de celebração do líder indígena no Xingu

Rei Charles III envia carta ao Cacique Raoni
Raoni
Publicidade

O Rei Charles III enviou uma carta ao Cacique Raoni Metuktire, reconhecendo as contribuições do líder indígena para a preservação da Amazônia e a proteção dos povos indígenas.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News 

"Sua voz tem sido fundamental no Brasil, e no mundo, em esforços para preservar a Amazônia e em seu apoio aos direitos de todos os povos indígenas", disse Charles na carta.

No documento, o monarca britânico relembra a visita que fez à Amazônia em 2009 em que testemunhou "em primeira mão os profundos impactos do desmatamento e das mudanças climáticas na floresta tropical e nos povos e comunidades indígenas que ali residem". 

O documento foi entregue nesta 6ª feira (28.jul) durante um encontro de lideranças no território kayapó em São José do Xingu - MT. O "Chamado do Cacique Raoni - Grande encontro das lideranças guardiãs da Mãe Terra" contou com a presença da presidente da Funai, Joenia Wapichana, e da ministra dos povos indígenas, Sônia Guajajara, que discursou na manhã desta 6ª.

"O Cacique Raoni tem uma trajetória fundamental de conscientização da humanidade em relação aos direitos e à situação dos povos indígenas. O impacto da atuação dele vai além do Brasil. Eu mesma, que nasci numa região rural do Reino Unido, tomei conhecimento de sua história. Foi ótimo participar desse momento de celebração da vida dele. Quando penso em Raoni, penso numa liderança que é capaz de levar a luta dos povos indígenas para o mundo inteiro", afirmou encarregada de negócios da embaixada do Reino Unido no Brasil, Melanie Hopkins,durante o encontro.

O governo britânico colaborou financeiramente para a realização do eventopor meio do Programa REDD for Early Movers (REM). 

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbtnews
portalnews
noticias
rei charles iii
cacique raoni

Últimas notícias

Vítima de atentado contra Trump morreu tentando proteger sua família

Vítima de atentado contra Trump morreu tentando proteger sua família

Corey Comperatore, de 50 anos, era bombeiro e tinha duas filhas. Ele morreu pelos disparos de Thomas Crooks. Outros dois homens foram feridos gravemente
Lula lamenta morte do pai do ex-governador do Rio Sergio Cabral

Lula lamenta morte do pai do ex-governador do Rio Sergio Cabral

Em nota de pesar, o presidente da República ressaltou, entre outros atributos, a “irreverência” na carreira do jornalista, que faleceu aos 87 anos
Atentado a Trump eleva valor do bitcoin, que supera o patamar de US$ 60 mil

Atentado a Trump eleva valor do bitcoin, que supera o patamar de US$ 60 mil

Segundo analistas, chance de retorno do ex-presidente ao poder aumentou, e ele é a favor da desregulamentação do mercado financeiro
Responsável por atentado contra Trump agiu sozinho, afirma FBI

Responsável por atentado contra Trump agiu sozinho, afirma FBI

Thomas Matthew Crooks, de 20 anos, foi o atirador que tentou assassinar Donald Trump
Presidente da Itália, Sergio Mattarella, chega ao Brasil neste domingo

Presidente da Itália, Sergio Mattarella, chega ao Brasil neste domingo

Esta é a primeira visita de um chefe de Estado italiano ao país em 24 anos
Romildo Magalhães, ex-governador do Acre, morre aos 78 anos

Romildo Magalhães, ex-governador do Acre, morre aos 78 anos

O político faleceu na tarde deste domingo (14) em decorrência de complicações da diabetes
Biden diz que investigadores terão todos recursos para apurar atentado contra Trump

Biden diz que investigadores terão todos recursos para apurar atentado contra Trump

"Deixem o FBI fazer o seu trabalho", diz presidente dos EUA. Segurança de convenção republicana será reforçada
Itamaraty condena ataque a Gaza com mais de 90 mortos e quase 300 feridos

Itamaraty condena ataque a Gaza com mais de 90 mortos e quase 300 feridos

Em nota, a pasta declarou que “o governo de Israel segue sabotando o processo de paz e o cessar-fogo no Oriente Médio”
Presidentes do Congresso e do STF condenam atentado contra Trump

Presidentes do Congresso e do STF condenam atentado contra Trump

Pacheco alertou para sucessão de "atos extremistas que vêm se repetindo mundo afora"
Atirador que tentou matar Trump carregava explosivos em seu carro

Atirador que tentou matar Trump carregava explosivos em seu carro

Thomas Matthew Crooks atingiu o ex-presidente de raspão, feriu gravemente duas pessoas presentes e causou a morte de outra
Publicidade
Publicidade