Publicidade

Concurso Nacional Unificado: dúvidas sobre em qual bloco se inscrever? Confira dicas

Seleção começa no processo de inscrição, quando o candidato deverá escolher entre oito opções, sendo uma para nível médio e sete para nível superior em 21 órgãos públicos

Concurso Nacional Unificado: dúvidas sobre em qual bloco se inscrever? Confira dicas
Publicidade

O chamado “Enem dos Concursos” é considerado a maior prova de seleção para cargos públicos de todos os tempos. Só no primeiro dia do processo, mais de 100 mil candidatos fizeram inscrição. De acordo com as normas do Concurso Público Nacional Unificado (CPNU) publicadas em um edital com cerca de 700 páginas, a seleção começa no processo de inscrição, quando o candidato deverá escolher entre oito opções, sendo uma para nível médio e sete para nível superior em 21 órgãos públicos.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

Dentro desta última categoria, os postulantes com formação de tecnólogo, licenciatura e bacharelado deverão optar por diferentes áreas de atuação. As 5.948 vagas estão divididas da seguinte forma:

Bloco 1 - Infraestrutura, Exatas e Engenharias (727 vagas)

Bloco 2 - Tecnologia, Dados, e Informação (597 vagas)

Bloco 3 - Ambiental, Agrário e Biológicas (530 vagas)

Bloco 4 - Trabalho e Saúde do Servidor (971 vagas)

Bloco 5- Educação, Saúde, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (1.016 vagas)

Bloco 6 - Setores Econômicos e Regulação (359 vagas)

Bloco 7 - Gestão Governamental e Administração Pública (1.748 vagas)

Aos candidatos com formação de ensino médio ou técnico foi reservado o Bloco 8 - Nível Intermediário, com 692 vagas sendo 452 para Técnico em Informações Geográficas e Estatísticas e técnico em indigenismo, 100 vagas para Agente de atividades agropecuárias, 100 para Agente de inspeção sanitária e industrial de produtos de origem animal e outras 40 para Técnico de laboratório.

+"Enem dos concursos": inscrições para o Concurso Público Unificado estão abertas

Depois de escolhido o bloco temático, os candidatos deverão indicar o cargo por ordem de preferência entre as vagas disponíveis no bloco escolhido. Ou seja, os participantes vão concorrer a mais de um cargo, dentro da área escolhida. Cada um desses blocos terá cinco eixos temáticos.

Cada órgão definiu pesos diferentes para cada eixo temático. Ou seja, mesmo com as vagas agrupadas em um mesmo bloco, os conteúdos cobrados terão pesos diferentes dependendo do cargo selecionado.

De acordo com o edital, nove vezes o número de vagas de cada área terão as provas discursivas da segunda etapa corrigidas aumentando assim a qualidade do certame e a seleção dos candidatos mais aptos.

As inscrições foram abertas nesta sexta-feira (19) e vão até 9 de fevereiro. A taxa de inscrição será de R$ 60, para as vagas de nível médio, e de R$ 90, para as de nível superior. Haverá isenção da cobrança para candidatos de baixa renda, inscritos no Cadastro Único (CadÚnico), assim como para beneficiários do Bolsa Família.

Em entrevista ao Poder Expresso, do SBT News, o professor de Direito Constitucional e juiz do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) Aragonê Fernandes deu dicas para quem pretende participar da disputa.

"A seleção começou hoje, com a escolha do bloco e com o rankeamento das opções. O candidato deve olhar em qual bloco ele vai se inserir. Esse vai ser o primeiro filtro. Afinal de contas, há muitos órgãos dentro de cada bloco, há muitas oportunidades. Tem vagas para o país inteiro, mas tem candidato que quer uma vaga em um determinado estado. Então, o aluno precisa ter essas visão. Uma escolha errada agora pode diminuir as suas chances de aprovação", explicou.

Confira:

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Concurso Nacional Unificado

Últimas notícias

Governo libera segunda parcela do Programa Pé-de-Meia; veja quem recebe

Governo libera segunda parcela do Programa Pé-de-Meia; veja quem recebe

Iniciativa tem como objetivo diminuir evasão escolar e desigualdade social entre jovens
SP: Grave acidente na rodovia Régis Bittencourt deixa 4 mortos

SP: Grave acidente na rodovia Régis Bittencourt deixa 4 mortos

Carro com três ocupantes foi prensado entre carretas; motorista de caminhão também não resistiu
Lula sanciona lei que reconhece blocos de Carnaval como manifestação da cultura nacional

Lula sanciona lei que reconhece blocos de Carnaval como manifestação da cultura nacional

Decisão foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (25)
Casa Branca diz querer "respostas" de Israel sobre valas comuns em Gaza

Casa Branca diz querer "respostas" de Israel sobre valas comuns em Gaza

Quase 300 corpos foram encontrados por autoridades palestinas; ONU pediu investigação
Brasil Agora: Brazão fala a Deputados por vídeo; Moraes arquiva ação contra Bolsonaro

Brasil Agora: Brazão fala a Deputados por vídeo; Moraes arquiva ação contra Bolsonaro

Confira essas e outras notícias que serão destaque nesta quinta-feira (25)
Governo divulga locais de prova do "Enem dos concursos" nesta quinta-feira (25); veja onde acessar

Governo divulga locais de prova do "Enem dos concursos" nesta quinta-feira (25); veja onde acessar

Processo seletivo oferta 6.640 vagas em 21 órgãos públicos federais; provas ocorrem em 5 de maio
Após alto número de mortes, SP atende pedido do STF para uso de câmeras em operações policiais

Após alto número de mortes, SP atende pedido do STF para uso de câmeras em operações policiais

Solicitação foi baseada em ação da Defensoria Pública do estado, que denunciou aumento da letalidade nas ações
Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 6 milhões nesta quinta-feira (25)

Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 6 milhões nesta quinta-feira (25)

Apostas podem ser feitas em casas lotéricas ou pela internet até as 19h
Veneza começa a cobrar taxa de 'visitantes de um dia' para combater turismo em excesso

Veneza começa a cobrar taxa de 'visitantes de um dia' para combater turismo em excesso

Viajantes deverão reservar datas e desembolsar 5 euros para visitar a cidade italiana
Conselho reduz taxa máxima de juros do consignado para 1,68%

Conselho reduz taxa máxima de juros do consignado para 1,68%

Mudança acompanha queda da taxa Selic e entrará em vigor cinco dias após publicação no Diário Oficial
Publicidade
Publicidade