Publicidade

Alimentos ultraprocessados estão associados a 32 efeitos nocivos à saúde, diz estudo

Consumo exagerado pode resultar em doenças cardíacas, diabetes e câncer, além de transtornos psicológicos

Alimentos ultraprocessados estão associados a 32 efeitos nocivos à saúde, diz estudo
Publicidade

Os alimentos ultraprocessados, como barrinhas de cereais, hambúrgueres congelados e biscoitos recheados, estão diretamente relacionados a 32 efeitos nocivos à saúde. É o que aponta um estudo realizado por pesquisadores internacionais, publicado na revista acadêmica BMJ. Foram analisados dados de quase 10 milhões de pessoas.

Segundo o estudo, uma dieta rica em ultraprocessados pode resultar em danos à saúde física e psicológica. No caso da física, o consumo exagerado dos alimentos resulta em maiores riscos de doenças cardíacas, diabetes, câncer e morte precoce. Já na saúde psicológica, crescem em 48% as chances de desenvolver ansiedade e transtorno mental.

Isso porque, apesar de atraentes, os ultraprocessados são desbalanceados nutricionalmente e, geralmente, ricos em gorduras, açúcares ou sódio. O uso de corantes e nitratos também é famoso no tipo de alimento, o que acaba prejudicando a saúde.

+ Alerta sobre açúcar, sal e gordura passa a ser obrigatório para industrializados

“Essas descobertas fornecem uma justificativa para desenvolver e avaliar a eficácia do uso de medidas populacionais e de saúde pública para direcionar e reduzir a exposição alimentar a alimentos ultraprocessados para melhorar a saúde humana. Eles também informam e fornecem apoio para pesquisas mecanicistas urgentes”, diz o estudo.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Saúde
Alimentação
Alimentos ultraprocessados
Câncer
Diabetes

Últimas notícias

Pampa, campeão olímpico de vôlei, vai continuar tratamento contra câncer em São Paulo

Pampa, campeão olímpico de vôlei, vai continuar tratamento contra câncer em São Paulo

Ex-jogador foi transferido de hospital no Rio de Janeiro para capital paulista
Ministério da Saúde confirma 1º caso de cólera no Brasil após 18 anos

Ministério da Saúde confirma 1º caso de cólera no Brasil após 18 anos

Nota técnica informa que homem de 60 anos não viajou para regiões afetadas indicando infecção local
Policiais federais reclamam falta de combustível e fim de contratos, em meio a cobrança por mais verba

Policiais federais reclamam falta de combustível e fim de contratos, em meio a cobrança por mais verba

Nos estados, agentes acusam problemas para fazer operações com os cortes no orçamento; agendamento para fazer passaporte segue suspenso
Elenco da "Turma do Picapau Amarelo" faz visita ao Museu Monteiro Lobato, em SP

Elenco da "Turma do Picapau Amarelo" faz visita ao Museu Monteiro Lobato, em SP

Produção estreia em breve na plataforma de streaming +SBT
Apostador do Rio acerta números da Mega-Sena e leva sozinho R$ 102 milhões

Apostador do Rio acerta números da Mega-Sena e leva sozinho R$ 102 milhões

Próximo prêmio, estimado em R$ 3,5 milhões, será sorteado na terça-feira (23)
Madonna movimenta economia do Rio a menos de 2 semanas do show em Copacabana

Madonna movimenta economia do Rio a menos de 2 semanas do show em Copacabana

Cantora americana vai se apresentar gratuitamente na capital fluminense no dia 4 de maio
Novo ataque de Israel na Faixa de Gaza deixa 18 mortos

Novo ataque de Israel na Faixa de Gaza deixa 18 mortos

14 crianças morreram e um bebê foi salvo durante a ação
Lutador brasileiro é favorito para levar ouro nas Olimpíadas com Taekwondo

Lutador brasileiro é favorito para levar ouro nas Olimpíadas com Taekwondo

Henrique Marques foi parar no hospital e se recuperou em período recorde para voltar a tempo de conquistar a vaga
Número de crianças e adolescentes nas redes sociais cresce; especialistas alertam para uso consciente

Número de crianças e adolescentes nas redes sociais cresce; especialistas alertam para uso consciente

Pesquisa feita com estudantes mostra que um quinto deles acessou a internet pela primeira vez antes dos seis anos
Mercado de seguros de celulares cresce em meio ao aumento de furtos e roubos

Mercado de seguros de celulares cresce em meio ao aumento de furtos e roubos

Maior número de contratações está concentrado em grandes capitais, como São Paulo, onde esses crimes também são mais frequentes
Publicidade
Publicidade