Publicidade

Influencer fitness Renato Cariani é alvo de operação da PF contra tráfico de drogas

Agentes cumprem 18 mandados de busca e apreensão em São Paulo, Minas Gerais e Paraná

Influencer fitness Renato Cariani é alvo de operação da PF contra tráfico de drogas
PF desmantela esquema de tráfico e desvio de produto químico | Reprodução/instagram
Publicidade

Na manhã desta 3ª feira (12.dez), a Polícia Federal desencadeou uma operação em São Paulo que investiga o tráfico de drogas e o desvio de um produto químico utilizado na produção de crack.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

O principal alvo da ação é a empresa Anidrol, uma indústria química localizada em Diadema, na Grande São Paulo, cujo sócio é o influenciador fitness Renato Cariani. Ele é conhecido por sua audiência de mais de 13,6 milhões de seguidores - 7,3 milhões no Instagram e 6,3 milhões no YouTube.

No ano passado, Cariani utilizou sua popularidade como plataforma para impulsionar a campanha do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) à reeleição. O influenciador promoveu uma live ao lado do político no Ironcast, com o médico e fisiculturista Paulo Muzy.

Na época, Cariani disse ter perdido cerca de 25 mil seguidores nas redes sociais, mas durante a entrevista de pouco mais de 2 horas, ganhou 200 mil novos inscritos na plataforma de vídeos, e a live chegou a ter no pico 396,1 mil espectadores.

Ex-presidente Jair Bolsonaro em entrevista com Renato Cariani e Paulo Muzy | Reprodução/Ironcast

A operação tem 18 mandados de busca e apreensão: 16 em São Paulo, um em Minas Gerais e outro no Paraná. As investigações suspeitam do desvio de 12 toneladas de produtos químicos para a produção de mais de 19 toneladas de crack e cocaína. A Polícia Federal estima que, no mercado interno brasileiro, o quilo do crack seja comercializado por valores que variam entre US$ 3 mil (R$ 14.817,60) e US$ 5 mil (R$ 24.695,99).

Operação da PF realiza operação em residência de influenciador | Reprodução/SBT

A investigação teve início em 2022, após uma empresa farmacêutica multinacional alertar a Polícia Federal. A empresa estava recebendo notificações da Receita Federal por notas fiscais emitidas em seu nome, com pagamentos em dinheiro não declarados. A farmacêutica negou qualquer aquisição do produto, alegando desconhecer os fornecedores e os depósitos.

A partir dessa denúncia, a Polícia Federal iniciou uma apuração e identificou que, entre os anos de 2014 e 2021, o grupo investigado emitiu e faturou notas fiscais fraudulentas em nome de três grandes empresas: AstraZeneca, LBS e Cloroquímica.

Produtos apreendidos em operação da PF | Reprodução/PF

A operação, realizada em conjunto com o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) de São Paulo e a Receita Federal, representa um desdobramento das investigações que, inicialmente, resultaram no pedido de prisão dos envolvidos. Embora o Ministério Público tenha se manifestado favoravelmente, a Justiça optou por negar as prisões.

*Estagiário sob supervisão de Camila Stucaluc

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbt
sbtnews
portalnews
policia
noticia
noticias
pf
federal
operaçao
renato
cariani
gaeco
sao paulo
produtos
quimicos
produçao
drogas
crack
investigaçao
toneladas

Últimas notícias

Festa dupla: 46 gêmeos se formam em uma única escola nos EUA; veja

Festa dupla: 46 gêmeos se formam em uma única escola nos EUA; veja

Gêmeos representam cerca de 3% dos nascidos nos Estados Unidos, segundo o Centro Nacional de Estatísticas de Saúde
Biden vai regularizar mais de 500 mil imigrantes nos EUA

Biden vai regularizar mais de 500 mil imigrantes nos EUA

Pacote anunciado por democrata beneficia imigrantes ilegais que são cônjuges e filhos de cidadãos norte-americanos
Por que o inverno começa às 17h51 da próxima quinta-feira (20)? Entenda

Por que o inverno começa às 17h51 da próxima quinta-feira (20)? Entenda

Neste momento irá ocorrer o Solstício de Inverno, termo originado do latim, que significa "sol parado". Veja como será nova estação
Cai o uso das impressoras de papel e a HP está preocupada

Cai o uso das impressoras de papel e a HP está preocupada

Documentos digitais estão cada vez mais presentes na rotina das pessoas
"O Brasil precisa rever seus gastos para ontem", diz deputado Danilo Forte

"O Brasil precisa rever seus gastos para ontem", diz deputado Danilo Forte

Ao Perspectivas, afirmou que "não tem sentido" o país "financiar o refrigerante", em referência a subsídios dados pelo governo a indústrias já consolidadas
RJ: mulher morta em tentativa de assalto na Linha Amarela deixa filha de sete meses

RJ: mulher morta em tentativa de assalto na Linha Amarela deixa filha de sete meses

Crime aconteceu na manhã desta terça-feira (18); idoso também morreu e um dos suspeitos foi baleado
Novo Ensino Médio: relatora propõe carga horária de 2.400 horas e votação de projeto é adiada

Novo Ensino Médio: relatora propõe carga horária de 2.400 horas e votação de projeto é adiada

Comissão de Educação e Cultura do Senado deve votar o texto na quarta-feira (19)
Lula diz que pode disputar reeleição em 2026 para evitar volta dos "trogloditas" e do 'fascismo'

Lula diz que pode disputar reeleição em 2026 para evitar volta dos "trogloditas" e do 'fascismo'

Presidente disse ter sido orientado a não citar o nome do ex-presidente Jair Bolsonaro
Morre Anouk Aimée, atriz dos filmes "A Doce Vida" e "Oito e Meio", aos 92 anos

Morre Anouk Aimée, atriz dos filmes "A Doce Vida" e "Oito e Meio", aos 92 anos

Ícone do cinema francês atuou em clássicos de grandes diretores, como Fellini, Bellocchio, Demy e Altman
Meninas até 14 anos são maiores vítimas de violência sexual, revela Atlas da Violência

Meninas até 14 anos são maiores vítimas de violência sexual, revela Atlas da Violência

Agressão sexual representa quase 1/3 dos casos de violência contra bebês e crianças de até 9 anos e quase metade na faixa etária de 10 a 14 anos
Publicidade
Publicidade