Publicidade

Resumo da semana: CPMI do 8/1, racismo contra Vini Jr. e carros populares

Confira esses e outros fatos que repercutiram nos últimos dias no Brasil e no mundo

Resumo da semana: CPMI do 8/1, racismo contra Vini Jr. e carros populares
Agência Brasil/CBF/Reprodução
Publicidade

O governo brasileiro se indignou com mais um caso de racismo contra o jogador Vinícius Jr. - atualmente atacante do Real Madrid - e cobrou respostas da Espanha. No congresso, a CPMI do 8 de janeiro foi instalada, enquanto o texto sobre as novas regras fiscais foi aprovado. Já no mundo, a música ficou de luto com a morte da cantora Tina Turner.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

Essas e outras notícias você confere no resumo da semana do SBT News. Veja:

Governo cobra respostas por ataques racistas contra Vinícius Jr.

Vinícius Jr foi alvo de ataques racistas ao menos outras nove vezes | Lucas Figueiredo/CBF

O novo episódio racista contra o jogador Vinícius Júnior, chamado de macaco por torcedores na Espanha, provocou uma série de reações no Brasil. Na 2ª feira (22.mai), o governo pediu respostas e providências à Espanha e à Federação Internacional de Futebol (FIFA) pelo caso, dizendo tomar atitudes jurídicas caso haja omissão.

Em solidariedade ao jogador, artistas e atletas publicaram mensagens de apoio, enquanto, no Rio, o Cristo Redentor foi apagado como protesto. O caso também chegou à mesa da Organização das Nações Unidas para os Direitos Humanos (ACNUDH), que condenou o ataque e pediu ações das federações de futebol para impedir ocorrências similares. 

Sem mudanças, deputados aprovam novas regras fiscais na Câmara

Votação foi conduzida pelo presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL) | Câmara dos Deputados

Sem mudanças e seguindo o texto apresentado por Cláudio Cajado (PP-BA), deputados finalizaram, na 4ª feira (24.mai), a votação das novas regras fiscais. O texto, deferido por 372 votos contra 108 e sem os quatro destaques apresentados pelo PL, segue agora para o Senado. A expectativa é de aprovação até o dia 15 de junho.

Na prática, o chamado arcabouço fiscal institui um regime fiscal sustentável para garantir a estabilidade macroeconômica do país, além de criar as condições adequadas ao crescimento socioeconômico. O projeto é apresentado como uma alternativa ao atual teto de gastos - que limita quanto o governo pode gastar durante a gestão.

Cantora norte-americana Tina Turner morre aos 83 anos

Ao longo da extensa carreira, Tina vendeu mais de 150 milhões de discos e ganhou 12 Grammys | Peter Lindbergh

A música ficou de luto na 4ª feira (24.mai) com a morte da cantora norte-americana Tina Turner, aos 83 anos. Segundo a assessoria, a artista, considerada a rainha do Rock n' Roll, estava em sua casa na Suíça e faleceu "após uma longa doença".

Nascida Anna Mae Bullock, no Tennessee, Tina se tornou um dos maiores nomes da música mundial com os sucessos como "Proud Mary" e "What's Love Got do Do with It". Ao longo da extensa carreira, vendeu mais de 150 milhões de discos e ganhou 12 Grammys. A vida da cantora é tema de exposição no Brasil, em São Paulo.

CPMI dos Atos Golpistas é instalada no Congresso

Requerimento para a instalação da CPMI foi lido pelo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, em abril | Agência Brasil

O Congresso Nacional instalou, na 5ª feira (25.mai), a Comissão Parlamentar Mista de Inquéritos (CPMI) dos Atos Golpistas. O colegiado ficará responsável por investigar, em até 180 dias, os atos de ação e omissão ocorridos durante a invasão e depredação das sedes dos três poderes, em Brasília, no dia 8 de janeiro.

A primeira sessão foi presidida pelo senador Otto Alencar (PSD-BA). Ao todo, a Comissão é formada por 32 parlamentares titulares, sendo 16 senadores e 16 deputados, e o mesmo número de suplentes. O deputado federal Arthur Maia (União-BA) foi escolhido como presidente do colegiado e a senadora Eliziane Gama (PSD-MA) como relatora do caso.

Lula e Alckmin anunciam medidas para o setor automotivo

Além do presidente e do vice, o encontro conta com a presença de ministros e de representantes da indústria | Agência Brasil

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o vice-presidente Geraldo Alckmin (PSB) participam, na 5ª feira (25.mai), de reunião com representantes de instituições ligadas ao setor automotivo. No encontro, realizado em Brasília, foram anunciadas medidas de curto prazo para ampliar o acesso da população a carros novos.

Confira o resumo das medidas: 

  •  A partir de cortes em IPI e PIS-Cofins espera-se descontos entre 1,5% a 10,96%.
  •  Esses descontos serão apenas para carros até R$ 120 mil. 
  •  Venda direta entre indústria e consumidor pode reduzir mais os preços 
  •  Quanto mais barato o carro, que polua menos e com maior fabricação e montagens feitas no Brasil,  maior o desconto
  •  MP tem efeito imediato; deve ser confirmada em até 180 dias

Leia também

+ Governo decreta estado de emergência zoossanitária em todo o país

+ Marília Mendonça: polícia investiga agentes por vazamento de fotos de necropsia

+ Câmara aprova urgência de projeto que dificulta demarcação de terras indígenas

+ Meta, dona do Facebook, faz nova rodada de demissões

+ Câmara notifica Dallagnol sobre cassação e fornece prazo de 5 dias para defesa

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbt
sbtnews
portalnews
mundo
resumo da semana
cpmi 8 de janeiro
racismo vini junior
carros populares
morte tina turner
regras fiscais
camila-stucaluc

Últimas notícias

SP: Motorista de Porsche é investigado por agredir ex-madrasta

SP: Motorista de Porsche é investigado por agredir ex-madrasta

Fernando Sastre Filho está preso pela morte de condutor de aplicativo após colisão na zona leste da capital paulista, em março
WikiLeaks posta foto de Julian Assange a caminho de tribunal nos EUA

WikiLeaks posta foto de Julian Assange a caminho de tribunal nos EUA

Jornalista australiano fundou plataforma que publicou milhares de documentos confidenciais dos Estados Unidos e estava preso na Inglaterra desde 2019
Enfermeira que desapareceu após dívidas do “jogo do tigrinho” volta para casa

Enfermeira que desapareceu após dívidas do “jogo do tigrinho” volta para casa

Mulher estava desaparecida há oito dias; ela saiu de Piracicaba, no interior de SP, e foi para o Mato Grosso do Sul
Suspeito de matar PM durante discussão em adega é preso

Suspeito de matar PM durante discussão em adega é preso

Policial foi morto com tiros da própria arma durante briga na zona leste de SP; dono do local também foi detido
Novo Ensino Médio: relator na Câmara critica carga horária em cursos técnicos e espanhol obrigatório

Novo Ensino Médio: relator na Câmara critica carga horária em cursos técnicos e espanhol obrigatório

Mendonça Filho (União Brasil-PE) quer reverter mudanças feitas pelo Senado no texto e que votação ocorra antes do recesso parlamentar
André Mendonça toma posse como titular do TSE nesta terça (25)

André Mendonça toma posse como titular do TSE nesta terça (25)

O ministro, que já compõe a corte eleitoral como substituto, ocupará a cadeira deixada por Alexandre de Moraes
Incêndio destrói centenas de moradias na zona sul de SP

Incêndio destrói centenas de moradias na zona sul de SP

Foram necessárias 16 equipes do Corpo de Bombeiros para combater as chamas; ninguém se feriu na tragédia
CONTEXTUALIZANDO: Hotel em que Lula ficou na Itália tem diárias de até R$ 2,5 mil, e não de mais de R$ 71 mil

CONTEXTUALIZANDO: Hotel em que Lula ficou na Itália tem diárias de até R$ 2,5 mil, e não de mais de R$ 71 mil

Confira a verificação realizada pelos jornalistas integrantes do Projeto Comprova
Brasil Agora: STF volta a julgar porte de maconha, fogo no Pantanal e mais notícias do dia

Brasil Agora: STF volta a julgar porte de maconha, fogo no Pantanal e mais notícias do dia

Confira esses e outros destaques no programa matinal do SBT News, com apresentação de Murilo Fagundes e comentários de Iasmin Costa
STF retoma julgamento sobre descriminalização da maconha nesta terça (25)

STF retoma julgamento sobre descriminalização da maconha nesta terça (25)

Os ministros estão a um voto de derrubar o caráter criminal do porte da erva para consumo próprio; faltam votar Luiz Fux e Cármen Lúcia
Publicidade
Publicidade