Publicidade

PM é baleado e morto durante confronto com criminosos em Porto Alegre

RS é um dos estados que apresentou maior aumento de mortes de policiais em serviço, segundo Anuário de Segurança

PM é baleado e morto durante confronto com criminosos em Porto Alegre
Homem com uniforme militar verde
Publicidade

O Policial Militar, Roniclei Luciano Graef Cipolato, de 46 anos, foi morto com um tiro no peito durante confronto com criminosos, na noite deste sábado (25.mar), na zona norte de Porto Alegre. Na ação, um homem foi preso, mas ainda não há a confirmação se ele foi o autor dos disparos que causaram a morte do PM.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

Segundo a Polícia Militar, o soldado estava atuando na região, junto com outro colega, em uma ação para coibir o tráfico de drogas e homicídios, quando avistaram dois suspeitos armados. Um dos criminosos fugiu e o agente foi atrás, momento que acabou sendo alvejado com um tiro no peito. Roniclei ainda foi encaminhado para o hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

O corpo do agente foi sepultado neste domingo (26.mar), em Capela Santana, a 70 kilômetros de Porto Alegre. Ele deixa a mulher e quatro filhos.

De acordo com o último Anuário de Segurança Pública, divulgado em 2022, o estado do Rio Grande do Sul vêm apresentando alta na taxa de mortes de policiais em serviço. O estado registrou seis casos de mortes de agentes, tanto civis quanto militares, no ano de 2021, contra nenhum em 2020.

Além disso, segundo o mesmo documento, o estado teve um dos aumentos mais expressivos na taxa de suicídio de policiais, com um número 133% maior no comparativo entre os dois anos.

LEIA TAMBÉM:

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

policia
sbtnews
portalnews
sbt
pmmorto
pm baleado
rio grande do sul
rs
porto alegre

Últimas notícias

Polícia argentina usa gás de pimenta para reprimir protestos contra a Lei de Bases

Polícia argentina usa gás de pimenta para reprimir protestos contra a Lei de Bases

Pacote de reformas enviado pelo governo Milei está em debate no Senado
Tarcísio autoriza abertura de licitação para privatizar gestão de 33 novas escolas

Tarcísio autoriza abertura de licitação para privatizar gestão de 33 novas escolas

O prazo de concessão será de 25 anos, de acordo com a Secretaria de Educação do estado
Alexandre de Moraes prorroga mais uma vez inquéritos das fake news e milícias digitais

Alexandre de Moraes prorroga mais uma vez inquéritos das fake news e milícias digitais

O ministro deu mais 180 dias para conclusão das investigações, atendendo a pedido feito pela Polícia Federal (PF)
Lula: “O Brasil não vai desperdiçar oportunidade de se tornar uma grande economia”

Lula: “O Brasil não vai desperdiçar oportunidade de se tornar uma grande economia”

Presidente brasileiro participou de abertura de evento no Rio de Janeiro que reúne investidores árabes e brasileiros
Senado aprova projeto que obriga restaurantes a terem cartaz ensinando manobra de desengasgo

Senado aprova projeto que obriga restaurantes a terem cartaz ensinando manobra de desengasgo

Texto foi aprovado na forma de um substitutivo da relatora, senadora Damares Alves (Republicanos-DF), e volta agora à Câmara dos Deputados
Erika Hilton processa Nikolas Ferreira por crime de transfobia e cobra indenização de R$ 5 milhões

Erika Hilton processa Nikolas Ferreira por crime de transfobia e cobra indenização de R$ 5 milhões

A acusação da deputada foi após uma fala de Nikolas na reunião da Comissão da Defesa dos Direitos das Mulheres, na última quarta-feira
"Queremos liderar a transição energética", diz Mercadante, presidente do BNDES

"Queremos liderar a transição energética", diz Mercadante, presidente do BNDES

Executivo destacou investimentos do banco de desenvolvimento em energia limpa e disse que Brasil está aberto para parcerias comerciais
Câmara aprova urgência de projeto que iguala aborto ao crime de homicídio

Câmara aprova urgência de projeto que iguala aborto ao crime de homicídio

Defendida por conservadores, proposta agrava punição para pausa na gravidez com mais de 22 semanas
Câmara aprova urgência de projeto que restringe delações premiadas de presos

Câmara aprova urgência de projeto que restringe delações premiadas de presos

Texto limita ações da Justiça e coloca acordo como alternativa apenas em casos voluntários, além de oferecer recurso a afetados por delações
Dólar sobe e fecha cotado a R$ 5,40 com preocupação com os gastos do governo

Dólar sobe e fecha cotado a R$ 5,40 com preocupação com os gastos do governo

No exterior, a perspectiva de um corte mais lento na taxa de juros dos Estados Unidos também teve impacto
Publicidade
Publicidade