Publicidade

Região separatista da Ucrânia condena britânicos e marroquino à pena de morte

Os três lutavam ao lado da Ucrânia e devem enfrentar um pelotão de fuzilamento

Região separatista da Ucrânia condena britânicos e marroquino à pena de morte
Soldados voluntários condenados à morte em Donetsk
Publicidade

Dois cidadãos britânicos e um marroquino foram condenados, nesta 5ªfeira (9.jun), à pena de morte pela Suprema Corte da autoproclamada República Popular de Donetsk, região separatista no leste da Ucrânia apoiada pela Rússia.

Os três lutavam ao lado de tropas ucranianas e foram considerados culpados de trabalhar "para uma violenta derrubada do poder", um crime punível com a morte na república não reconhecida. Eles também foram condenados por atividades mercenárias e terrorismo.

+ Leia as últimas notícias sobre a guerra na Ucrânia

A agência de notícias RIA Novosti informou que os três -- Aiden Aslin, Shaun Pinner e Saaudun Brahim -- devem enfrentar um pelotão de fuzilamento. Os separatistas alegam que os combatentes são "mercenários" e, portanto, não têm direito às proteções usuais oferecidas aos prisioneiros de guerra.

Em resposta, as famílias de Aslin e Pinner disseram que os homens, que vivem na Ucrânia desde 2018, eram integrantes "de longa data" das forças armadas ucranianas. Eles se renderam às forças pró-russas no porto sulista de Mariupol em meados de abril, enquanto Brahim o fez em meados de março na cidade oriental de Volnovakha.

O governo britânico se pronunciou sobre as condenações e disse estar "profundamente preocupado". O porta-voz do primeiro-ministro britânico Boris Johnson, Jamie Davies, disse que, sob as Convenções de Genebra, os prisioneiros de guerra têm direito a imunidade de combate e "não devem ser explorados para fins políticos".

"Continuaremos a trabalhar com as autoridades ucranianas para garantir a libertação de quaisquer cidadãos britânicos que serviam nas forças armadas ucranianas e estão sendo mantidos como prisioneiros de guerra", afirmou.

Os militares russos argumentaram que os mercenários estrangeiros que lutam ao lado da Ucrânia não são combatentes e devem enfrentar condenações duras. Os condenados têm um mês para recorrer da decisão. Enquanto isso, outro combatente britânico capturado pelas forças pró-Rússia, Andrew Hill, aguarda julgamento.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbtnews
portalnews
república popular de donetsk
guerra-na-ucrania
guerra_na_ucrania
condenação
pena de morte
combatentes

Últimas notícias

"Homem que é homem" não bate em mulher, diz Lula durante evento em São Bernardo do Campo (SP)

"Homem que é homem" não bate em mulher, diz Lula durante evento em São Bernardo do Campo (SP)

Fala vem poucos dias depois de presidente dar declaração considerada machista
Sem vice-prefeito, Eduardo Paes oficializa candidatura à reeleição no Rio

Sem vice-prefeito, Eduardo Paes oficializa candidatura à reeleição no Rio

Durante convenção partidária, Paes falou sobre ter cumprido ou não propostas feitas nas eleições municipais de 2020
Robô da Nasa encontra mineral inédito em Marte

Robô da Nasa encontra mineral inédito em Marte

Cristais amarelos de enxofre puro foram revelados após o rover Curiosity passar sobre uma rocha
Taxista é preso por integrar quadrilha paulista que rouba casas de luxo no Rio

Taxista é preso por integrar quadrilha paulista que rouba casas de luxo no Rio

Segundo as investigações, o homem utilizava o veículo para guiar os assaltantes até as casas que seriam roubadas
Rebelião de presos incendeia presídio em Franco da Rocha, Grande São Paulo; situação foi controlada

Rebelião de presos incendeia presídio em Franco da Rocha, Grande São Paulo; situação foi controlada

O motim foi o primeiro em quatro anos, em São Paulo, segundo o Sindicato dos Funcionários do Sistema Prisional do Estado de São Paulo (SIFUSPESP)
Helicóptero dos bombeiros faz pouso forçado às margens do rio Araguaia em Goiás; piloto fica ferido

Helicóptero dos bombeiros faz pouso forçado às margens do rio Araguaia em Goiás; piloto fica ferido

Motivos do pouso de emergência estão sendo investigados pelos órgãos competentes
Ministério da Saúde atualiza caderneta infantil; saiba qual a importância de manter a vacinação em dia

Ministério da Saúde atualiza caderneta infantil; saiba qual a importância de manter a vacinação em dia

A distribuição dos exemplares em versão física da caderneta foi retomada neste ano
PF prende homem com dinheiro falso em Minas Gerais

PF prende homem com dinheiro falso em Minas Gerais

Suspeito foi conduzido para a Delegacia de Polícia Federal de Montes Claros, no norte do estado
Dia do Amigo é celebrado no Brasil neste sábado; entenda origem da data

Dia do Amigo é celebrado no Brasil neste sábado; entenda origem da data

Celebração é diferente da comemorada pela Organização das Nações Unidas (ONU)
Morre Moacir, ex-jogador do Atlético Mineiro, aos 54 anos

Morre Moacir, ex-jogador do Atlético Mineiro, aos 54 anos

Volante ganhou o Campeonato Mineiro por três vezes e a Copa Conmebol pelo clube
Publicidade
Publicidade