Publicidade

Resumo da semana: posse de ministros de Lula e recuo em discursos

Enterros de Pelé e Bento XVI, e tentativa de cessar-fogo na Ucrânia também marcaram últimos 7 dias

Resumo da semana: posse de ministros de Lula e recuo em discursos
X
Publicidade

Os primeiros dias de 2023 começaram apressados. No Brasil, as cerimônias em sequência de posse marcaram a transição dos ministros do governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ao longo desta semana. Ainda por aqui, na 3ª feira (3.jan), a população se despediu do ex-jogador Pelé. No mundo, ocorreu o velório de Bento XVI, que comandou a Igreja Católica entre 2005 e 2013, e a tentativa de cessar-fogo na Ucrânia.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

Decretos e posse de ministros: os primeiros dias de governo Lula

Lula ao assumir os trabalhos no Palácio do Planalto | Ricardo Stuckert

No primeiro dia útil de mandato, Lula publicou uma série de determinações que foram assinadas durante a cerimônia de posse. Entre elas está a Medida Provisória que garantiu o pagamento de R$ 600 do Auxílio Brasil e do programa Auxílio Gás, a reativação do Fundo Amazônia e a suspensão do registro para aquisição de novas armas por CACs - caçadores, atiradores e colecionadores. 

Além de se encontrar com autoridades estrangeiras, o presidente marcou a primeira reunião ministerial. O encontro foi feito no Palácio do Planalto, no último dia útil da semana, após a realização de todas as cerimônias de posse dos 37 ministros. Foram discutidos o roteiro e a estratégia de trabalho dos 100 primeiros dias de governo - reunião importante em meio ao recuo dos discursos de alguns dos ministros.

É o caso de Rui Costa (PT), da Casa Civil, que afirmou que não há proposta de revisão da reforma da Previdência, contrariando a declaração de Carlos Lupi (PDT), que chefia o Ministério da Previdência. O mesmo foi feito por Fernando Haddad (PT), da Fazenda, que queria a volta do tributo dos combustíveis, e por Luiz Marinho (PT), do Trabalho, que estimuliu a discussão sobre o saque-aniversário do FGTS.

Pelé, Rei do Futebol, é enterrado em Santos

Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, foi sepultado na 3ª feira (3.jan), no cemitério Memorial Necrópole Ecumênica, em Santos. O corpo do ex-jogador, que morreu aos 82 anos, ficou disponível para visitação na Vila Belmiro, onde passaram mais de 230 mil pessoas, e, posteriormente, foi levado em cortejo de quatro horas pelas ruas da cidade. 

Pelo mundo, presidentes, atletas, artistas e fãs lamentaram a morte de Pelé e prestaram homenagens ao esportista. O fato também ganhou destaque nos principais jornais internacionais, que classificaram Edson como padrão de grandeza não apenas no futebol, mas na soma de todos os esportes. No Rio, uma avenida foi rebatizada com o nome do ex-jogador.

Papa Francisco ministra funeral de Bento XVI

A despedida de Bento XVI, na Praça São Pedro, reuniu mulheres de fiéis, representantes da Igreja Católica e autoridades políticas. O funeral foi ministrado pelo papa Francisco, na 5ª feira (5.jan). Após a cerimônia, Bento XVI foi sepultado na antiga tumba de São João Paulo II, cujos restos mortais foram retirados após a beatificação, em 2011.

Essa foi a segunda vez na história que um papa ministrou o funeral de um antecessor. A outra vez foi em fevereiro de 1802, quando Pio VII presidiu a cerimônia de Pio VI, morto em 1800 enquanto estava exilado na França, prisioneiro de Napoleão. No período, Pio VII pediu que enviassem os restos mortais do ex-pontífice à Roma, onde realizou o ritual fúnebre.

Nova variante da covid é detectada no Brasil

O primeiro caso da subvariante XBB.1.5 da cepa ômicron da covid-19 foi identificado no Brasil. Trata-se de uma uma paciente de Indaiatuba, no interior de São Paulo, que testou positivo para a doença em novembro do ano passado. O vírus, já identificado em outros 29 países, é o mais transmissível da covid até o momento, podendo desencadear, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), novas ondas de infecções pelo mundo.

Rússia ordena cessar-fogo para Natal ortodoxo, mas Ucrânia rejeita

Apesar de ter sido anunciado pelo presidente Vladimir Putin, a Ucrânia não acatou o cessar-fogo russo de 36 horas programado para 6ª feira (6.jan), alegando que o período era um disfarce e serviria para que "o inimigo" se fortalecesse. Moscou, por sua vez, justificou que a trégua temporária contemplaria o Natal ortodoxo, tipicamente comemorado nos dias 6 e 7 de janeiro. 

Leia também

+ Em 4 anos de governo, Bolsonaro liberou 1.100 armas por dia

+ EUA: invasão ao Capitólio completa dois anos em meio a impasse na Câmara

+ Poupança teve o pior resultado da história em 2022

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbt
sbtnews
portalnews
governo
posse
ministros
recuo
discursos
morte pelé
morte bento xvi
cessar fogo ucrania
sub variante
resumo da semana
camila-stucaluc

Últimas notícias

Caixa libera Bolsa Família para beneficiários com NIS final 9

Caixa libera Bolsa Família para beneficiários com NIS final 9

Valor pode ser sacado em agências bancárias ou movimentado virtualmente
Compras internacionais: Câmara aprova taxação de 20% em valores até US$ 50

Compras internacionais: Câmara aprova taxação de 20% em valores até US$ 50

Proposta estabelece imposto para compra em sites internacionais, como Shein, AliExpress e Shopee
JBS deverá indenizar família de funcionário morto após sair do trabalho, decide TST

JBS deverá indenizar família de funcionário morto após sair do trabalho, decide TST

Para a corte, a empresa negligenciou condições adequadas de transporte a trabalhador assassinado enquanto pedalava para casa de madrugada
VÍDEO: clientes têm celulares roubados durante arrastão em restaurante de Pinheiros (SP)

VÍDEO: clientes têm celulares roubados durante arrastão em restaurante de Pinheiros (SP)

Imagens da câmera de segurança registraram o momento em que um criminoso, armado, abordou um funcionário na rua e entrou com ele no estabelecimento
VÍDEO: Tornados deixam 25 mortos em dois dias nos EUA

VÍDEO: Tornados deixam 25 mortos em dois dias nos EUA

Americanos registraram chegada dos ventos e estragos deixados nas cidades. Novas tempestades devem ocorrer na noite desta terça (28)
Frente Nacional de Prefeitos se mobiliza para a compra de medicamentos no RS

Frente Nacional de Prefeitos se mobiliza para a compra de medicamentos no RS

Secretário da Frente Nacional dos Prefeitos fala ao programa Perspectivas do SBT News
Novo ataque de Israel a acampamento de refugiados em Rafah deixa ao menos 21 mortos

Novo ataque de Israel a acampamento de refugiados em Rafah deixa ao menos 21 mortos

Ataque aconteceu enquanto manifestantes, em várias partes do mundo, ainda protestavam contra as 45 mortes provocadas por bombardeio no domingo
Covid-19 já matou mais que a dengue no Brasil em 2024

Covid-19 já matou mais que a dengue no Brasil em 2024

Principais vítimas da covid-19, segundo o Ministério da Saúde, são pessoas que não se vacinaram ou que não completaram o ciclo de imunização
Voluntários alertam para diminuição de ajuda humanitária no RS: "Precisamos de mais braços, estamos exaustos"

Voluntários alertam para diminuição de ajuda humanitária no RS: "Precisamos de mais braços, estamos exaustos"

Quase 50 mil gaúchos permanecem em abrigos no estado; em Porto Alegre, a maior parte dos abrigos são mantidos com doações e o trabalho de voluntários
Congresso derruba veto de Lula a trecho do projeto das "saidinhas" de presos

Congresso derruba veto de Lula a trecho do projeto das "saidinhas" de presos

Condenados que cumprem pena em regime semiaberto não podem mais obter autorização para saída temporária do estabelecimento nos casos de visita à família
Publicidade
Publicidade