Publicidade

Campos Neto: investidor precisa ter "um pouco mais de boa vontade com governo"

Presidente do Banco Central participou de evento do BTG Pactual nesta 3ª feira (14.fev)

Campos Neto: investidor precisa ter "um pouco mais de boa vontade com governo"
Presidentes do BC e do BTG Pactual conversando (Reprodução/YouTube)
Publicidade

O presidente do Banco Central do Brasil, Roberto Campos Neto, disse acreditar que é preciso ter "um pouco mais de boa vontade" com o governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT). A declaração foi dada nesta 3ª feira (14.fev), durante conversa com o CEO do BTG, Roberto Sallouti, no CEO Conference.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

"O investidor é muito apressado, é muito afoito, e eu acho que a gente precisa ter um pouco mais de boa vontade com o governo, 45 dias é pouco tempo. Acho que tem tido uma boa vontade enorme do ministro Haddad [da Fazenda] de falar: olha, nós temos aqui um princípio de seguir um plano fiscal com disciplina, tem um arcabouço que está sendo trabalhando. Já foram elaborados alguns objetivos. Então acho que a gente precisa ter um pouco de boa vontade", pontuou Campos Neto.

Na 2ª feira (13.fev), em entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura, Campos Neto afirmou que "o Banco Central precisa trabalhar junto com o governo" e que ele (presidente) fará tudo ao seu alcance para aproximar o BC do governo.

Veja também:

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
sbtnews
economia
governo
roberto campos neto
presidente
banco central
boa vontade
investidores
evento
ceo conference
fernando haddad
plano fiscal
arcabouço fiscal
guilherme-resck

Últimas notícias

 Idosa que desapareceu ao desembarcar em Natal é achada em mata

Idosa que desapareceu ao desembarcar em Natal é achada em mata

Rita Caetana de Sousa, de 70 anos, que estava desaparecida desde sábado (8)
Brigadeirão: armas do empresário envenenado são encontradas

Brigadeirão: armas do empresário envenenado são encontradas

Ex-namorado da mentora do crime vendeu o armamento e tentou comercializar outros objetos do homem para um conhecido, que prestou depoimento
7 funcionários da Cobasi são indiciados por mortes de animais durante enchente no RS

7 funcionários da Cobasi são indiciados por mortes de animais durante enchente no RS

Polícia estima que mais de 175 bichos morreram afogados; empresa diz que foi "surpreendida" por cheia e relatou "indignação" com indiciamento
Morre, aos 89 anos, a atriz Ilva Niño

Morre, aos 89 anos, a atriz Ilva Niño

Artista estava internada no Hospital Quali Ipanema, na zona sul do Rio, desde o dia 13 de maio
Governo deve trocar antenas parabólicas antigas de 5 milhões de famílias, diz presidente da Anatel

Governo deve trocar antenas parabólicas antigas de 5 milhões de famílias, diz presidente da Anatel

Carlos Baigorri diz ao Perspectivas que agência planeja ampliar público-alvo da troca gratuita de antenas para modelo digital
Senai e Google vão ajudar estudantes a encontrar emprego

Senai e Google vão ajudar estudantes a encontrar emprego

Central de carreiras usará IA do Google Cloud para mapear pontos fortes e fracos dos currículos dos candidatos para oferecer formação e vagas de trabalho
PF indicia ministro das Comunicações, Juscelino Filho, por desvio de emendas

PF indicia ministro das Comunicações, Juscelino Filho, por desvio de emendas

Relatório da investigação já foi enviado para o ministro Flávio Dino, relator do inquérito no STF e ex-colega de Esplanada
Motorista de caminhão de lixo morre após veículo cair dentro de piscina no RJ

Motorista de caminhão de lixo morre após veículo cair dentro de piscina no RJ

Acidente aconteceu na manhã desta quarta-feira (12), em Belford Roxo, na Baixada Fluminense
Lula volta a defender exploração de petróleo na Margem Equatorial: "Chance de o Brasil crescer"

Lula volta a defender exploração de petróleo na Margem Equatorial: "Chance de o Brasil crescer"

Presidente também critica discussões sobre economia que não leva em consideração questões sociais e diz que Brasil deve crescer de forma distribuída
Saidinha temporária: mais de 100 presos são recapturados no 1º dia por violar regras

Saidinha temporária: mais de 100 presos são recapturados no 1º dia por violar regras

Segundo a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, 35 mil foram soltos, devendo retornar aos presídios na próxima segunda-feira (17)
Publicidade
Publicidade