Publicidade

Pacheco defende que iniciativa privada também compre vacinas

Para presidente do Senado, empresas podem adquirir imunizantes, desde que se responsabilizem por riscos

Pacheco defende que iniciativa privada também compre vacinas
Rodrigo Pacheco
Publicidade
O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), defendeu nesta 2ª feira (22 fev) que a iniciativa privada, os estados e os municípios comprem diretamente vacinas contra a Covid-19, desde que o Programa Nacional de Imunização (PNI) "seja preservado". O senador se reuniu à tarde com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, logo após discutir compra de imunizantes com executivos dos labortários Pfizer e Janssen. 

Para Pacheco, a solução de incluir empresas e entes federados é "inteligente e segura" e será feita por meio de um projeto de lei que, segundo o presidente do Senado, será concluído nesta noite. Atualmente, os contratos desses fabricantes preveem responsabilidade integral da União sobre efeitos adversos da vacina -- cláusula criticada pelo governo federal. Por isso, o ministério da Saúde até hoje não negociou a aquisição desses imunizantes.

O objetivo da proposta é dividir a responsabilidade que a União teria com as unidades federativas e com a iniciativa privada. "Um projeto que será concebido ainda hoje no Senado para que encontremos um caminho que autorize a União, mas também estados e municípios a assumirem os riscos da compra das vacinas, constituir garantias e seguros", completou. 

Pacheco, contudo, disse que a proposta será pensada de maneira que preserve o Sistema Único de Saúde (SUS), que ainda não conseguiu vacinar a população de risco devido ao baixo estoque de vacinas comprados pelo governo federal. "Que possamos permitir para todos os negócios jurídicos que forem feitos na compra de vacinas. Vamos ganhar escala na conquista de vacinas, obedecendo e respeitando as regras do PNI". 

A ideia já havia sido ventilada anteriormente, mas devido à repercussão negativa, foi desconsiderada. O encontro com Pazuello foi intermediado pelo senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), um dos filhos do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), crítico ferrenho às vacinas. Na saída do ministério, Pacheco afirmou ainda que irá procurar o presidente da Casa, Arthur Lira (PP-AL), para conversar sobre a proposta e discutir a ampliação do poder de compra. 
Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
congresso
vacina
rodrigo pacheco
senado
pazuello
iniciativa privada

Últimas notícias

Assalto com granada deixa dois feridos em Copacabana, no Rio

Assalto com granada deixa dois feridos em Copacabana, no Rio

Bandido que estava com o explosivo conseguiu fugir; vítima foi encaminhada para o Hospital Municipal Miguel Couto
Atleta australiano amputa parte do dedo para participar das Olimpíadas de Paris

Atleta australiano amputa parte do dedo para participar das Olimpíadas de Paris

O jogador de hóquei Matt Dawson quebrou o dedo semanas antes do início dos Jogos Olímpicos
SP: Feira busca tutores para cães resgatados no Rio Grande do Sul

SP: Feira busca tutores para cães resgatados no Rio Grande do Sul

Pets foram castrados e receberam tratamento após as enchentes
Eleições municipais 2024: partidos poderão realizar convenções a partir de sábado

Eleições municipais 2024: partidos poderão realizar convenções a partir de sábado

Reuniões são necessárias para que legendas e federações possam lançar políticos na disputa e seguem calendário oficial da Justiça Eleitoral
Filha de deputado é encontrada morta no Mato Grosso

Filha de deputado é encontrada morta no Mato Grosso

Polícia Civil ainda apura as circunstâncias da morte da jovem de 26 anos na zona rural da cidade de Nova Mutum
Apagão cibernético afeta coleta de exames em hospital de SP

Apagão cibernético afeta coleta de exames em hospital de SP

Hospital Sírio-Libanês diz que parceiro que faz o serviço enfrentou instabilidade no sistema e coleta foi interrompida; outras unidades funcionam normalmente
"Aproveitar minha família", diz homem que sobreviveu após ter crânio perfurado por estaca de madeira

"Aproveitar minha família", diz homem que sobreviveu após ter crânio perfurado por estaca de madeira

Vitor Soares disse que o acidente aconteceu "muito rápido" e "não teve como reagir"
Presença israelense nos territórios palestinos é ilegal, diz Corte Internacional de Justiça

Presença israelense nos territórios palestinos é ilegal, diz Corte Internacional de Justiça

Órgão máximo da ONU deu parecer consultivo sobre a legalidade da ocupação israelense de 57 anos de Jerusalém Oriental e Cisjordânia ocupada
"Eles que elejam o presidente que quiserem", diz Lula sobre eleições na Venezuela

"Eles que elejam o presidente que quiserem", diz Lula sobre eleições na Venezuela

Para o presidente da República, disputas eleitorais não interferem em julgamento dele sobre relações entre países
Censo aponta que 90% dos quilombolas sofrem com a falta de saneamento básico adequado

Censo aponta que 90% dos quilombolas sofrem com a falta de saneamento básico adequado

Quase 30% não possuem nem abastecimento de água, destinação do esgoto ou coleta de lixo, diz IBGE
Publicidade
Publicidade