Publicidade

Especialistas explicam porque quedas são mais frequentes na terceira idade

Mortes de idosos causadas por tombos quase dobraram nos últimos 10 anos no Brasil

Especialistas explicam porque quedas são mais frequentes na terceira idade
Publicidade

Foi um tropeço dentro de casa que causou a morte do pai da Regina Ralo. E há 3 meses ela teve de visitar essa dor. É que a mãe dela, dona Ascenção Ralo, caiu num domingo à tarde, após ter ido tomar um sol na área comum do condomínio: ''como o piso tem desnível e ela não levanta a perna devido à idade, e sim arrasta, ela caiu e bateu o rosto no chão, por sorte, não ocorreu nada grave. A experiência que eu havia tido antes foi traumática, eu perdi meu pai por conta de um acidente doméstico'', explica.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

O pai da Regina já havia sofrido um AVC, então os movimentos dele estavam comprometidos, a locomoção já não fluia tão bem. Então, bastou um pequeno obstáculo para a queda acontecer: ele escorregou e caiu de mau jeito depois de dar alguns passos, do quarto para a sala. Ele morreu devido às complicações do tombo. Uma situação que tem ficado cada vez mais comum no Brasil.

Dados do Ministério da Saúde apontam que as mortes de idosos causadas por quedas quase dobraram nos últimos dez anos. Em 2013, 4.816 idosos morreram após um tombo. E em 2022, esse número saltou para 9.592. Considerada a terceira causa de mortalidade entre pessoas com mais de 65 anos, as quedas mataram 70.516 idosos entre 2013 e 2022.

O geriatra e superintendente de Medicina Preventiva da MedSênior, Roni Mukamal, explica que uma das razões desse número ter aumentado é que a população também está envelhecendo: ''quantos mais idosos tem, mais quedas acontecem''.

Ele enfatiza que o ancião é a parte da população que mais sofre com quedas. E isso acontece devido às mudanças fisiológicas e devido ao aparecimento de doenças. “Ao longo do tempo, a gente perde massa muscular. Temos também alterações no campo visual e nas articulações''.

É comum, também, mudanças no tipo de marcha das pessoas, na forma como elas caminham. A advogada Regina Ralo já reparou bem nisso em sua mãe, dona Ascenção, que agora só usa calçados que confortem bem os pés, além dos outros cuidados que ela tem, como o apoio da bengala, por exemplo: ''o geriatra dela diz que ela está melhor do que eu'', brinca.

Ainda de acordo Mukamal, a abordagem é complexa, por isso é necessário uma equipe multidisciplinar para trabalhar a alimentação, os músculos e o equilíbrio dos idosos.

O também geriatra Natan Chehter alerta para os cuidados que também precisam acontecer fora de casa: ''A gente sabe que muitas vezes as prateleiras do supermercado tem alturas que o idoso não vai conseguir alcançar, ele vai se abaixar demais, ou vai ficar na ponta do pé, isso também é comportamento de risco, também é perigoso. Na prática a gente tem que pensar que o idoso, ao caminhar pela rua, ele precisa de mais tempo, de travessia segura.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

Saúde
Idoso
Brasil

Últimas notícias

Barbeiro transforma ponto de taxi em barbearia após perder comércio em Porto Alegre

Barbeiro transforma ponto de taxi em barbearia após perder comércio em Porto Alegre

No dia 4 de maio deste ano, Laio viu tudo o que tinha ficar embaixo d'água, inclusive sua residência
Com hospitais alagados, gestantes e recém-nascidos são atendidos em abrigos no RS

Com hospitais alagados, gestantes e recém-nascidos são atendidos em abrigos no RS

Uma das crianças atendidas tem 11 dias de vida e nem chegou a usar o enxoval, que foi totalmente perdido nas enchentes
Imposto de renda: 17 milhões de contribuintes ainda não entregaram declaração; veja dicas

Imposto de renda: 17 milhões de contribuintes ainda não entregaram declaração; veja dicas

No dia 31 de maio, encerra-se o prazo para declarar o IRPF 2024; escritórios de contabilidade têm ampliado a capacidade de atendimento
Enquanto o Sul do Brasil enfrenta os efeitos da chuva, outras partes do mundo sofrem com a seca

Enquanto o Sul do Brasil enfrenta os efeitos da chuva, outras partes do mundo sofrem com a seca

No México, por exemplo, mais de 22 milhões de pessoas podem ficar sem água nas próximas semanas
Santa Catarina recebe mais de 400 famílias afetadas pelas chuvas no RS

Santa Catarina recebe mais de 400 famílias afetadas pelas chuvas no RS

Estado vem fazendo um mapeamento para distribuir auxílios conforme a demanda de cada um dos gaúchos
Irã mata 7 pessoas na forca; ONG denuncia aumento de execuções

Irã mata 7 pessoas na forca; ONG denuncia aumento de execuções

Penas teriam sido aplicadas neste sábado (18); das 7 vítimas, 2 seriam mulheres
Flores são projetadas no Cristo para lembrar combate ao abuso sexual de crianças

Flores são projetadas no Cristo para lembrar combate ao abuso sexual de crianças

Ação faz parte da campanha de mobilização nacional. Do início de 2024 até agora, o Disque 100 recebeu mais de 11 mil denúncias
Chuvas no RS: Força-tarefa encontra galão de água sendo vendido a R$ 80

Chuvas no RS: Força-tarefa encontra galão de água sendo vendido a R$ 80

Ação do Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS) contra preços abusivos autuou 65 estabelecimentos
Municípios do RS discutem plano para dar novas moradias aos afetados pelas chuvas

Municípios do RS discutem plano para dar novas moradias aos afetados pelas chuvas

Relatório da Confederação Nacional dos Municípios aponta que mais de 100 mil casas foram danificadas ou completamente destruídas
Cantor Arlindinho denuncia que filha de 9 anos foi vítima de racismo em escola

Cantor Arlindinho denuncia que filha de 9 anos foi vítima de racismo em escola

Filho de Arlindo Cruz relatou o fato nas redes sociais; escola se manifestou por meio de nota
Publicidade
Publicidade