Publicidade

Tom Moore, britânico que arrecadou milhões contra a covid, morre aos 100

Veterano da Segunda Guerra tornou-se um símbolo pelos valores que representa

Tom Moore, britânico que arrecadou milhões contra a covid, morre aos 100
Tom Moore
Publicidade
A voz do apresentador da BBC ficou embargada, a Rainha Elizabeth II mandou condolências à família, a bandeira britânica foi hasteada a meio mastro e o primeiro-ministro Boris Johnson disse que "ele se tornou não apenas uma inspiração nacional, mas uma referência de esperança para o mundo". A tristeza foi tão grande quanto o orgulho que o país tem do capitão Sir Tom Moore.

Aos 100 anos, ele morreu na tarde desta 3ª feira (2.fev), no hospital de Bredford, no interior da Inglaterra, onde estava sendo tratado por uma pneumonia. Há uma semana, veio o diagnóstico da Covid-19. Por conta dos remédios com que já estava sendo medicado, não teve condições de tomar a vacina.

O veterano da Segunda Guerra Mundial tornou-se um dos maiores símbolos do espírito de comunidade no Reino Unido e do carinho dos britânicos com o NHS, o sistema público de saúde. Foi pra arrecadar dinheiro pra ajudar no combate à pandemia que o capitão começou uma campanha despretensiosa. Com ajuda de um andador, prometeu dar 100 voltas no jardim de casa na véspera de completar um século de vida, se as pessoas doassem mil libras num campanha pela internet. Conseguiu 33 milhões, o equivalente a 241 milhões de Reais.

No momento em que o país enfrentava seu primeiro lockdown e milhares de pessoas começavam a morrer todos os dias, os britânicos se sensibilizaram com aquele exemplo. 

Rapidamente, ele tornou-se um ídolo e agia naturalmente como um. "Nós vamos superar isso e sair mais fortes, mais unidos e prontos pra enfrentar qualquer desafio juntos", disse, em abril, em uma das muitas entrevistas que deu, sempre com um sorriso no rosto.

Em julho, a Rainha Elizabeth II fez uma das poucas aparições públicas durante a pandemia para condecorá-lo. Nos jardins do Palácio de Windsor, a monarca colocou a espada nos ombros dele pra torná-lo um cavaleiro da Ordem do Império Britânico. Tom Moore agora atendia por "Sir Tom Moore". Nesta altura, ele já era um fenômeno mundial. Recebeu quase 200 mil cartas de todos os continentes.

Foi um sucesso tão estrondoso que ele até virou cantor. "You will never walk alone" (Você nunca vai andar sozinho) é uma composição da década de 40 que, com a ajuda do cavaleiro Tom Moore, voltou às paradas de sucesso. Ele gravou uma versão com o músico Michael Ball e com o coral do NHS e tornou-se o cantor mais velho da história a liderar a lista de músicas mais ouvidas no Reino Unido. "O último ano de nosso pai foi extraordinário. Ele ficou rejuvenescido e viveu coisas com as quais ele só poderia sonhar", disseram as filhas, em comunicado divulgado logo após a confirmação da morte.

Sir Tomas Moore voltará às capas de todos os jornais do país amanhã e continuará a ser um símbolo importante pra vários públicos, o que venera o papel dos veteranos de guerra, o que valoriza e defende mais investimentos no sistema público de saúde e o que apoia o trabalho de voluntariado. Ele trazia valores tão celebrados pelos britânicos em uma história só.
Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

portalnews
mundo
sergio-utsch
tom moore
reino unido
covid-19
rainha elizabeth ii
boris johnson

Últimas notícias

Veja vídeo: meteoro risca o céu de cidade no Paraná

Veja vídeo: meteoro risca o céu de cidade no Paraná

Fenômeno foi flagrado em Telêmaco Borba na madrugada deste sábado (22)
Pequinês é eleito o cachorro mais feio do mundo; veja fotos

Pequinês é eleito o cachorro mais feio do mundo; veja fotos

Wild Thang já havia participado da competição outras quatro vezes e foi premiado com US$ 5 mil
Recém-nascidos são fotografados em clima de São João em hospital na Bahia

Recém-nascidos são fotografados em clima de São João em hospital na Bahia

Ensaio tem objetivo de promover a humanização, socialização e acolhimento das mães e bebês
Portabilidade da dívida do cartão de crédito passa a valer em 1º de julho

Portabilidade da dívida do cartão de crédito passa a valer em 1º de julho

Cliente vai poder pedir a transferência do saldo do rotativo para outro banco, com melhores condições de pagamento, de graça
Morre Ronald Antonucci, da dupla Os Vips, aos 81 anos

Morre Ronald Antonucci, da dupla Os Vips, aos 81 anos

Cantor fez sucesso na Jovem Guarda com o irmão Márcio Antonucci, falecido em 2014
Entenda as polêmicas do projeto que permitirá mudanças urbanísticas drásticas em Brasília

Entenda as polêmicas do projeto que permitirá mudanças urbanísticas drásticas em Brasília

Proposta foi aprovada pela Câmara Legislativa do Distrito Federal e, agora, irá para sanção do governador Ibaneis Rocha
Quina de São João: 3 apostas dividem prêmio de R$ 229,9 milhões; confira o resultado

Quina de São João: 3 apostas dividem prêmio de R$ 229,9 milhões; confira o resultado

Ganhadores são de Gouveia (MG), Viamão (RS) e São José do Rio Preto (SP)
Mega-Sena acumula e chega a R$ 93 milhões; veja os números sorteados

Mega-Sena acumula e chega a R$ 93 milhões; veja os números sorteados

Quina teve 108 apostas ganhadoras, que vão receber mais de R$ 38 mil cada
Com três palcos dedicados a shows, Virada ODS agita fim de semana em São Paulo

Com três palcos dedicados a shows, Virada ODS agita fim de semana em São Paulo

Ação faz parte das estratégias para promover o desenvolvimento sustentável, de acordo com o que orienta a ONU, a Organização das Nações Unidas
Foco de queimadas no Pantanal em 2024 já supera o mesmo período do ano passado

Foco de queimadas no Pantanal em 2024 já supera o mesmo período do ano passado

A fumaça é movimentada pelo vento e tem consequências na saúde da população local
Publicidade
Publicidade