Publicidade

FALSO: "Faz o L" em foto de faixa em posto de combustível é montagem

Confira a verificação realizada pelos jornalistas integrantes do Projeto Comprova

FALSO: "Faz o L" em foto de faixa em posto de combustível é montagem
Projeto Comprova/Divulgação
Publicidade

FALSO: É falso post com foto de faixa em posto de combustível com os dizeres "Caros clientes, o preço do combustível subiu por causa dos impostos do governo. Vocês que fizeram o ?L?: reclamem com o PT". O governo de Lula, a quem o "faz o L" se refere, realmente subiu as alíquotas sobre combustíveis, mas a imagem é de 2015, período da gestão Dilma Rousseff (PT). Além disso, a imagem foi adulterada ? a expressão "faz o L" foi adicionada digitalmente.

---

Conteúdo investigadoPostagem que viralizou no Twitter mostra um posto de gasolina com uma placa onde se lê "Caros clientes, o preço do combustível subiu por causa dos impostos do governo. Vocês que fizeram o ?L?: reclamem com o PT", em referência aos eleitores de Lula. O autor do post escreveu "Este aviso deveria ser obrigatório".

Onde foi publicado: Twitter, LinkedIn e Instagram.

Saiba mais:
>> Acesse o SBT Comprova
>> Acesse as verificações e informações do SBT News De Fato
>> Leia as últimas notícias no portal SBT News

Conclusão do Comprova: É falsa a imagem que viralizou nas redes sociais que mostra uma faixa em um posto de gasolina com os dizeres "Caros clientes, o preço do combustível subiu por causa dos impostos do governo. Vocês que fizeram o ?L?: reclamem com o PT".

"Faz o L" refere-se à expressão usada durante a campanha eleitoral do ano passado por apoiadores do então candidato Lula, que se elegeu presidente. Mas a foto verificada aqui é antiga, de 2015, e o texto foi digitalmente modificado. Originalmente, a faixa dizia "Caros clientes, o preço do combustível subiu por causa dos impostos do governo. Reclamem com a Dilma".

A imagem foi feita em um posto na cidade de Ponta Grossa, no Paraná, segundo uma reportagem do site A Rede disponível no YouTube, Em fevereiro de 2015, a gasolina custava R$ 3,35 no estabelecimento em questão e tinha subido de preço devido ao aumento nos impostos PIS e Cofins, anunciados em janeiro daquele ano pelo então ministro da Fazenda do governo Dilma Rousseff, Joaquim Levy. O conteúdo do A Rede foi replicado por outros sites, como o Correio.

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP) postou a mesma imagem falsa em sua conta no Instagram no dia 3 de março de 2023, como divulgado por O Globo e pela Carta Capital. A foto já foi apagada pelo parlamentar.

Tanto o post verificado pelo Comprova quanto o feito pelo deputado Eduardo Bolsonaro têm o objetivo de responsabilizar o PT pelo aumento do preço dos combustíveis em consequência da reoneração aplicada pelo governo federal desde o último dia 1º de março.

Falso, para o Comprova, é o conteúdo inventado ou que tenha sofrido edições para mudar o seu significado original e divulgado de modo deliberado para espalhar uma falsidade.

Alcance da publicação: O Comprova investiga os conteúdos suspeitos com maior alcance nas redes sociais. No Twitter, a postagem verificada teve 556 mil visualizações, 28,9 mil curtidas e 4,7 mil retweets.

O que diz o responsável pela publicação: O Comprova entrou em contato com Luiz Galeazzo, responsável pelo perfil OiLuiz, via Instagram, mas não houve retorno até a publicação deste conteúdo.

Como verificamos: Primeiramente, foi usada a busca reversa do Google para identificar onde essa imagem e outras similares foram publicadas. Dessa forma, foi possível ver que a foto, tanto a original quanto a versão adulterada, já havia circulado na internet em diversos períodos.

primeira publicação ocorreu em 2015, quando houve um aumento nos impostos PIS e Cofins durante o governo Dilma Rousseff. Uma matéria em vídeo do site A Rede, que cobre a região de Ponta Grossa, no Paraná, mostra o local e a faixa, além de uma entrevista com o gerente do estabelecimento. As imagens foram ao ar em 4 de fevereiro de 2015. Na época, as mesmas informações do vídeo foram replicadas em outros sites.

Também pesquisamos reportagens sobre o aumento e redução do preço dos combustíveis.

Alta dos preços

Em 28 de fevereiro, o governo Lula (PT) anunciou que iria retomar a cobrança de tributos federais sobre gasolina e etanol a partir de 1º de março. As alíquotas haviam sido zeradas pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) em junho de 2022, "na tentativa de derrubar o preço nas bombas às vésperas da eleição", como informou a Folha.

Com a decisão da gestão petista, a alíquota de PIS/Cofins sobre a gasolina subiu para R$ 0,47 e, sobre o etanol, R$ 0,02.

Ainda segundo a Folha, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad (PT), justificou o aumento dizendo ser importante para recompor o Orçamento Federal. "Desde antes da posse, estamos com um objetivo claro, que é basicamente recompor o Orçamento público, do ponto de vista da despesa e do ponto de vista das receitas. A PEC [proposta de emenda à Constituição] da Transição foi aprovada justamente para garantir os compromissos firmados no ano passado [do lado das despesas]", disse.

O que podemos aprender com esta verificação: Em primeiro lugar, a foto adulterada ataca diretamente os eleitores de Lula, não o governo petista, e posts que viralizam com mensagens de ódio devem gerar dúvida em nós. A partir dessa dúvida, devemos tentar fazer uma investigação rápida sobre o conteúdo, que, neste caso, começaria com uma análise da foto. Ao olhar com mais atenção à imagem é possível ver, sem a necessidade de nenhuma ferramenta, que ela foi adulterada na parte inferior, com partes borradas. São dois passos simples ? duvidar de ataques que viralizam e analisar a foto com mais cuidado ? que evitam que a desinformação se dissemine.

Por que investigamos: O Comprova monitora conteúdos suspeitos publicados em redes sociais e aplicativos de mensagem sobre políticas públicas e eleições no âmbito federal e abre investigações para aquelas publicações que obtiveram maior alcance e engajamento. Você também pode sugerir verificações pelo WhatsApp 11 97795-0022.

Outras checagens sobre o tema: O Comprova já verificou outros conteúdos sobre a alta do preço de combustíveis, como o post que engana ao fazer comparação entre o aumento da gasolina e o patrimônio da família Bolsonaro a partir de dados imprecisos e o áudio que mente ao afirmar ser voz de Aldo Rebelo (PDT) culpando Lula por alta dos valores.

---

Investigação e verificação

A Gazeta e Folha participaram desta investigação e a sua verificação, pelo processo de crosscheck, foi realizada pelos veículos Estadão, NSC, Correio Braziliense, AFP, SBT e SBT News.

Projeto Comprova

Esta reportagem foi elaborada por jornalistas do Projeto Comprova, grupo formado por 41 veículos de imprensa brasileiros, para combater a desinformação. Iniciado em 2018, o Comprova monitorou e desmentiu boatos e rumores relacionados à eleição presidencial. Na quinta fase, o Comprova verifica conteúdos suspeitos sobre políticas públicas do governo federal e eleições, além de continuar investigando boatos sobre a pandemia de covid-19. O SBT e SBT News fazem parte dessa aliança.

Desconfiou da informação recebida? Envie sua denúncia, dúvida ou boato pelo WhatsApp 11 97045 4984.

Desativar verificaçãoSugestões Premium
Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbt
sbtnews
comprova
portalnews
combustivel
faixa
lula
montagem
governo lula
aumento
impostos
governo
reclamar
pt
faz o l
falso

Últimas notícias

Silvio Santos tem alta de hospital em SP

Silvio Santos tem alta de hospital em SP

Apresentador passa bem e já está em casa
Comoção e falta de respostas marcam enterro de filha de deputado morta no Mato Grosso

Comoção e falta de respostas marcam enterro de filha de deputado morta no Mato Grosso

Polícia mantém investigações para explicar morte da empresária Raquel Cattani, que estava com 26 anos
São Paulo recebe evento sobre cultura pop asiática

São Paulo recebe evento sobre cultura pop asiática

Anime Friends é o maior evento temático de cultura pop asiática na América Latina e ficará até amanhã (21) em São Paulo
Paisagens, cultura e vinho; conheça o passeio turístico Trem Pampa

Paisagens, cultura e vinho; conheça o passeio turístico Trem Pampa

Itinerário começa no Rio Grande do Sul e passa no Uruguai. O passeio custa R$ 135
Imóveis levados a leilão quase dobram em 2024 e viram opção de investimento

Imóveis levados a leilão quase dobram em 2024 e viram opção de investimento

Só de imóveis financiados pela Caixa Econômica Federal, houve um salto de 75% na oferta de leilões
Melody sofre acidente a caminho de show no Rio de Janeiro

Melody sofre acidente a caminho de show no Rio de Janeiro

Van em que cantora estava ficou destruída: veja imagens
Brasileiro da marcha atlética disputará sua quarta Olimpíada em Paris

Brasileiro da marcha atlética disputará sua quarta Olimpíada em Paris

Caio Bonfim luta pela medalha que escapou nos Jogos do Rio, em 2016, quando conquistou o 4º lugar
Exclusivo: número de denúncias de maus-tratos a animais bate recorde em 2024

Exclusivo: número de denúncias de maus-tratos a animais bate recorde em 2024

Foram 909 situações nos primeiros seis meses de 2024, quase o mesmo número de todo o ano passado, quando houveram 939 denúncias
Los Angeles abraça a automação: robôs entregam comida e carros sem motorista já são realidade

Los Angeles abraça a automação: robôs entregam comida e carros sem motorista já são realidade

Em alguns restaurantes da cidade, o pedido é na tela e a comida vem em um carrossel. Já as bebidas são trazidas por um robô, que interage com os clientes
Menina de 10 anos sobrevive a parada cardíaca que durou mais de uma hora

Menina de 10 anos sobrevive a parada cardíaca que durou mais de uma hora

Lara Sousa foi reanimada e agora recebeu um aparelho que ajuda o coração a bater no ritmo certo
Publicidade
Publicidade