Publicidade

Deputados dos EUA discutem interferência militar na eleição brasileira

Emenda ao orçamento da Defesa norte-americano pode anular assistência de segurança

Deputados dos EUA discutem interferência militar na eleição brasileira
Texto foi assinado por cinco deputados democratas e deve ser avaliado pelo Congresso local até outubro | Reprodução
Publicidade

Um grupo de deputados norte-americanos propôs uma emenda ao Orçamento de Defesa para pressionar as Forças Armadas brasileiras a não interferirem nas eleições deste ano. De autoria do parlamentar Tom Malinowski, de Nova Jersey, o texto foi assinado por cinco deputados democratas e deve ser avaliado pelo Congresso local até outubro.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

A emenda defende que o Secretário de Estado dos Estados Unidos entregue um relatório sobre a interferência militar no processo eleitoral brasileiro até 30 dias depois do pleito. Também fica proposto que o país não ajudará mais na segurança brasileira caso seja identificado interferência "decisivamente" nas eleições ou golpe de Estado.

Para isso, o texto lista cinco pontos a serem considerados:

  • Interferir, impedir ou obstruir a votação, a contagem ou os processos eleitorais por autoridades eleitorais independentes;
  • manipular, procurar manipular ou derrubar resultados das eleições;
  • Envolver-se em esforços coordenados de informação ou comunicação para minar a fé popular e a confiança em autoridades eleitorais independentes ou questionar a validade dos resultados eleitorais;
  • Usar mídias sociais ou outros sistemas de comunicação de massa, incluindo aplicativos de mensagens móveis, para tentar influenciar opiniões generalizadas sobre a validade dos resultados eleitorais ou com relação à conveniência de qualquer resultado particular; 
  • Encorajar, incitar ou facilitar tumultos físicos, atividades ou contestações em matéria eleitoral, processos, contagens eleitorais ou resultados eleitorais, antes e depois das eleições presidenciais.

A decisão acontece depois que figuras do poder público começaram a questionar o processo eleitoral brasileiro. Durante evento em Washington, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Edson Fachin, afirmou que a Corte acolheu, de forma completa ou parcial, 32 propostas feitas pelos integrantes da Comissão de Transparência Eleitoral (CTE), o que deve garantir a segurança do pleito.

+ Lira adia votação em plenário da PEC dos Benefícios

"Colaboração sim, intervenção jamais. Quem coordena as atividades eleitorais é a sociedade civil do processo judiciário eleitoral e ninguém mais. Diálogo sim e sempre", frisou Fachin, referindo-se às recentes críticas feitas pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) e a recomendação de que militares façam uma apuração paralela de votos.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbt
sbtnews
portalnews
eleiçoes
deputados
eua
discutem
interferencia
militares
eleiçao brasileira
segurança
forças armadas

Últimas notícias

"Estou anestesiada. Nos vimos ontem", lamenta ex-esposa do cantor Nahim

"Estou anestesiada. Nos vimos ontem", lamenta ex-esposa do cantor Nahim

Sucesso nos anos 80, artista foi encontrado morto em sua casa na manhã desta quinta-feira (13)
Ciro Nogueira atribui derrota de Bolsonaro nas eleições de 2022 também a aliados

Ciro Nogueira atribui derrota de Bolsonaro nas eleições de 2022 também a aliados

Sem citar Roberto Jefferson e Carla Zambelli, ex-ministro da Casa Civil diz que casos midiáticos a uma semana do pleito prejudicaram ex-presidente
Albinismo nem sempre afeta a cor da pele; entenda o que é condição rara

Albinismo nem sempre afeta a cor da pele; entenda o que é condição rara

Exposição ao sol pode causar queimaduras no corpo e, em alguns casos, apenas a região dos olhos é atingida
Suspeito de matar jovem e ocultar cadáver em casa é preso no Rio

Suspeito de matar jovem e ocultar cadáver em casa é preso no Rio

"Amigo" da vítima estava foragido; Já Caio da Silva Rendão, de 21 anos, estava desaparecido desde o dia 9 de fevereiro
Nahim gravou "Qual é a Música", do "Programa Silvio Santos, com Patrícia Abravanel"; exibição será em breve

Nahim gravou "Qual é a Música", do "Programa Silvio Santos, com Patrícia Abravanel"; exibição será em breve

Cantor esteve nos estúdios do SBT em São Paulo no começo deste mês, onde gravou o famoso quadro musical
Urgência de PL sobre aborto foi demonstração de força de Lira em semana ruim do governo; veja análise

Urgência de PL sobre aborto foi demonstração de força de Lira em semana ruim do governo; veja análise

Jornalista Nathalia Fruet traz bastidores políticos sobre aprovação relâmpago de urgência de projeto que iguala aborto a homicídio na Câmara dos Deputados
El Niño chega ao fim, com previsão de La Niña; entenda o que pode mudar no clima

El Niño chega ao fim, com previsão de La Niña; entenda o que pode mudar no clima

Inmet aponta que novo fenômeno climático, associado à diminuição da temperatura e aumento das chuvas, deve começar no próximo semestre
Pastor da igreja Bola de Neve é afastado após medida protetiva concedida à esposa

Pastor da igreja Bola de Neve é afastado após medida protetiva concedida à esposa

Rinaldo Seixas, conhecido como “apóstolo Rina”, é líder da instituição; ele responde por denúncias de lesão corporal, violência psicológica e outros
PL que equipara aborto a homicídio pode manter vítimas presas por mais tempo que estupradores; entenda

PL que equipara aborto a homicídio pode manter vítimas presas por mais tempo que estupradores; entenda

Na quarta-feira (12), a Câmara dos Deputados definiu urgência na tramitação da pauta; a expectativa é de que seja votada já na próxima semana
Maré: suspeitos de matar policial do Bope são identificados pela Polícia Civil no Rio

Maré: suspeitos de matar policial do Bope são identificados pela Polícia Civil no Rio

Investigações apontam que os homens atuam na segurança de lideres da facção criminosa da região
Publicidade
Publicidade